Notícias | Dia a dia
Azarenka larga bem e Kontaveit mantém a boa fase
28/09/2021 às 16h52

Kontaveit foi campeã em Ostrava no último domingo e manteve o embalo em Chicago

Foto: Jimmie48/WTA

Chicago (EUA) - O complemento da primeira rodada do WTA 500 de Chicago foi de vitórias para algumas das cabeças de chave, como Victoria Azarenka e Jil Teichmann. Elas confirmaram o favoritismo e obtiveram suas vagas na segunda fase da competição disputada em quadras de piso duro. Quem também largou bem foi Anett Kontaveit, campeã nas quadras cobertas de Ostrava no último domingo e que mostrou rápida adaptação ao torneio norte-americano.

Azarenka, de 32 anos e 34ª do ranking, teve grande atuação na vitória por 6/2 e 6/1 sobre a chinesa Shuai Zhang. A bielorrussa liderou a estatística de winners por 14 a 8 e cometeu apenas 14 erros contra 27 da rival. Durante a rápida partida de 61 minutos, a ex-número 1 conseguiu sete quebras de serviço e criou dez break-points. Ela agora enfrenta a jovem norte-americana de 19 anos Hailey Baptiste, 150ª do ranking, que derrotou a italiana Jasmine Paolini por 7/5 e 6/3.

A estreia de Kontaveit foi um pouco mais exigente. Cabeça 11 em Chicago e agora 23ª do mundo, a estoniana venceu a norte-americana Madison Brengle por 6/4 e 6/3. Invicta há seis jogos no circuito e dona de dois títulos na temporada, Kontaveit enfrenta a japonesa Mai Hontama, número 200 do ranking, que surpreendeu a ex-top 10 francesa Caroline Garcia por 6/3 e 6/0.

Jil Teichmann, que teve ótimos resultados em torneios grandes, como a final de Cincinnati e a semi em Dubai, estreou em Chicago vencendo a estoniana Kaia Kanepi por 7/6 (7-3) e 7/5. Teichmann, de 24 anos e 38ª do ranking, é a próxima adversária da polonesa Magda Linette, 54ª colocada, que derrotou a norte-americana Coco Vandeweghe por 6/1 e 6/4. O confronto entre elas será inédito no circuito.

Outra tenista da casa a se despedir foi Sloane Stephens, superada pela eslovena Tamara Zidansek por 6/2 e 6/1. Zidansek enfrenta na segunda rodada a tcheca Tereza Martincova, que derrotou a colombiana Maria Camila Osorio por 6/3 e 7/5. A boa notícia para a torcida norte-americana foi a vitória de Amanda Anisimova, jovem de 20 anos e 82ª do ranking, sobre a suíça Viktorija Golubic por 6/0, 5/7 e 6/4. Anisimova é a próxima adversária de Elina Svitolina, principal cabeça de chave do torneio.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva