Notícias | Dia a dia
Em semana perfeita, Heide desafia Zé Pereira na final
25/09/2021 às 19h42

Gustavo Heide ainda não perdeu nenhum set na competição

Foto: João Pires/Fotojump

Recife (PE) - O Brasil Tennis Classic teve seus finalistas da chave de simples definidos nesse sábado. Gustavo Heide e José Pereira entram em quadra às 10h de domingo (horário de Brasília) em busca do título no Recife, que valerá 12 pontos ao campeão no ranking mundial da ATP.

Campeão há três semanas no M15 de Ibaque, na Colômbia, Heide garantiu a sua segunda final da carreira ao bater o catarinense Eduardo Ribeiro, parciais de 7/5 e 6/4.

"Sabia que essa partida contra o Dudu seria muito difícil. Ele veio de uma semana boa, jogando em alto nível e fazendo grandes jogos, mas foram partidas mais longas e acredito que ele já estava um pouco mais desgastado por conta disso. Isso pode ter me favorecido, já que consegui fechar os jogos mais rapidamente durante a semana e chegar mais inteiro hoje", comentou o tenista de 19 anos, que ainda não perdeu nenhum set na competição.

"Eu venho de uma sequência positiva nas últimas semanas desde que estava na Colômbia e tenho evoluído o meu tênis. Consegui impor bem o meu jogo, sabendo atacar e defender nos momentos certos", finalizou Heide, que ocupa a 894ª posição no ranking.

O segundo finalista é Zé Pereira, que venceu Pedro Boscardin em sets diretos, com parciais 7/6 (7-2) e 6/3, e agora tenta seu 12º título de torneios de nível ITF. O último troféu foi conquistado em 2017, IS Open São Paulo, também realizado pelo Instituto Sports.

Após a classificação, o ex-número 232 do circuito profissional comentou sobre a renovação do tênis brasileiro e de Heide e Boscardin, que tiveram destaque nessa edição do ITF World Tennis Tour M15 disputado no Recife Tênis Clube.

"Pedro trabalha bastante e tem percebido o que precisa evoluir no jogo para se adaptar ao nível profissional. É um cara muito legal, com um potencial muito grande", comentou o alagoano.

"Gustavo tem um talento incrível, golpes muito bons. Os dois estão vindo por um caminho certo, com pessoas boas ao redor para ajudar nessa transição. Torço bastante para eles, mas quero ganhar todas às vezes que jogar contra eles", brincou o tenista de 30 anos.

A etapa de Recife do Ano II Brasil Tennis Classic é apresentada pelo Santander Brasil, por meio da Lei Federal de Incentivo ao Esporte da Secretaria Especial do Esporte do Ministério da Cidadania e conta com o copatrocínio de Santander Seguros e Previdência, Farmacêutica EMS, Alupar, Taesa, Azul – Transportadora Oficial e Aberje.

A etapa conta também com o apoio de Recife Tênis Clube e Federação Pernambucana de Tênis. O evento integra o calendário mundial ITF World Tennis Tour. A realização é do Instituto Sports.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva