Notícias | Outros
Guiness Book reconhece façanha de Srebotnik
25/09/2021 às 09h15

Katarina Srebotnik realizou uma façanha logo no início da carreira.

Foto: Site da WTA

Portoroz (Eslovênia) - O Guinness World Records celebrou um dos maiores nomes de todos os tempos da Eslovênia, na semana passada, quando foi disputado o WTA 250 Zavarovalnica Sava Portoroz, onde Katarina Srebotnik recebeu o certificado oficial pelo histórico início de carreira há 23 anos. Ainda uma adolescente, Srebotnik venceu os primeiros torneios de simples, duplas e duplas mistas que disputou no circuito profissional. Sua façanha foi a primeira no tênis e até hoje não foi igualada por outro jogador, homem ou mulher.

“É surreal receber tal homenagem - tenho que me beliscar”, disse Srebotnik antes da cerimônia na quadra central de Portoroz, onde foi duas vezes finalista de simples. “Ganhar esses torneios foi apenas o começo para mim, mas sinto que tudo o que conquistei na minha carreira está sendo reconhecido, e isso é simplesmente maravilhoso. Vencer uma estreia em simples já é uma tarefa difícil, mas vencer as três disciplinas na primeira tentativa - eu nunca poderia definir uma meta como essa em meus sonhos mais loucos. Sinceramente, não sei como consegui.”

A façanha de Srebotnik começou em abril de 1998 quando, aos 17 anos, ganhou seu primeiro torneio de duplas em Makarska, Croácia, em parceria com a conterrânea Tina Krizan. No ano seguinte, tornou-se profissional e foi campeã de simples do Estoril Open em Portugal, derrotando a húngara Rita Kuti-Kis na final. Seis semanas depois, ela completou a proeza em seu primeiro Grand Slam, em Roland Garros, vencendo as duplas mistas com Piet Norval, da África do Sul. Ela tinha apenas 18 anos e 83 dias.

“Comecei 1999 em algo como 250 (do ranking), o que significava que só jogava torneios ITF de nível inferior”, disse ela. “Mas depois ganhei um evento um pouco maior em Dubai, como qualifier - e por sorte, a vencedora ganhou um wild card na chave principal para Estoril. Foi assim que tive a chance de jogar um evento WTA quando minha classificação era tão baixa e foi quando a história teve a chance de acontecer. Depois de vencer no Estoril, saltei para o Top 100.”

Desde a vitória de Srebotnik no Estoril, mais de 500 jogadoras conquistaram títulos de simples. Ela se tornou a quarta jogadora na história do WTA a vencer em sua estreia em um torneio de simples e, até hoje, continua sendo uma de apenas seis jogadoras a ganhar um título de simples em sua primeira apresentação no circuito profissional. Curiosamente, ela não sabia do significado de sua conquista até 2013, quando um jornalista sugeriu que a WTA poderia entrar em contato com o Guinness World Records.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva