Notícias | Dia a dia
Bia aprova tática agressiva e busca a 5ª final do ano
10/09/2021 às 22h03

Bia enfrenta a ex-top 60 Cagla Buyukakcay na semifinal deste sábado

Foto: Arquivo

Montreux (Suíça) - Depois de ter passado por altos e baixos no duelo das oitavas de final pelo ITF W60 de Montreux, Beatriz Haddad Maia teve uma atuação mais consistente nesta sexta-feira e conseguiu vencer com tranquilidade a suíça Conny Perrin. A boa atuação aninou a número 1 do Brasil, que saiu de quadra feliz com o sucesso de seu plano tático mais agressivo.

"Estou super feliz com o trabalho de hoje. Consegui manter meu padrão agressivo e não deixei ela respirar em momento algum. Tive break point contra em alguns games de saque, mas consegui ficar firme e consciente no jogo", disse Bia Haddad Maia, que marcou as parciais de 6/0 e 6/2 em apenas 1h19 de partida.

"Também consegui lidar bem com as emoções e todas as circunstâncias do jogo. As condições da quadra variaram um pouco durante a semana pelo tempo, hoje estava garoando um pouco e ontem também choveu. Foi mais um bom dia de trabalho, mostrando que estamos no caminho certo", acrescentou a paulista de 25 anos e 174ª do ranking.

Bia está invicta há oito jogos, já que foi campeã do ITF W60 de Collonge-Bellerive no último domingo. Na temporada, tem 54 vitórias e 15 derrotas, considerando todos os níveis de competição do circuito, incluindo qualificatórios.

Antes da recente conquista na Suíça, também venceu outros três torneios ITF W25 em 2021, dois no saibro argentino e um no piso duro de Portugal. Em busca de sua quinta final no ano, enfrenta neste sábado a turca Cagla Buyukakcay, ex-top 60 e atual 202ª do mundo, em confronto inédito no circuito.

Comentários
Loja - camisetas
Torneio Teodózio