Notícias | Dia a dia | US Open
Alcaraz: 'Uma pena fechar um grande torneio assim'
08/09/2021 às 13h50

Nova York (EUA) - Responsável pela eliminação do grego Stefanos Tsitsipas na terceira rodada, o jovem espanhol Carlos Alcaraz acabou não aguentando a sequência de jogos duros e foi forçado a desistir no meio de seu confronto com o canadense Felix Auger-Aliassime pelas quartas de final do US Open. O tenista de 18 anos lamentou bastante ter que se despedir da competição assim.

“É uma pena terminar um grande torneio desta forma, mas não estou acostumado a encarar tantas partidas na maior intensidade e no mais alto nível, com dois jogos seguidos em cinco sets. O principal é estar bem fisicamente, se você vê que não vai conseguir ou que corre o risco, o melhor é parar, pois haverá novas oportunidade depois pelas quais vou lutar”, comentou Alcaraz.

“Antes da partida eu já sentia alguma coisa, mas aí quando começou eu tinha a dor controlada. Foi assim até o final do primeiro set, começo do segundo, quando passei a senti-la com mais força. Não gosto de desistir e não queria ter abandonado o jogo”, contou o espanhol de apenas 18 anos, que saiu de quadra quando perdia com parciais de 6/3 e 3/1.

"Não entrei em quadra pensando na opção de me retirar. O que eu sabia é que ia ser muito difícil, já estava com muitas dores nas pernas que me incomodavam na hora de servir e correr. Mesmo assim, procurei dar tudo o que tinha e saio com a sensação de ter feito um grande torneio. Tenho apenas sentimentos positivos”, complementou.

O espanhol contou a conversa que teve com o médico dentro de quadra. "Disse que não me sentia bem no adutor direito, que me incomodava ao correr para a direita e também ao correr para trás. Ele me deu seu ponto de vista, embora a decisão final dependesse de mim. Precisa ver se poderia continuar jogando ou não. Se não conseguisse, o melhor era me retirar”, revelou Alcaraz.

A grande campanha no US Open trará mudanças na confiança, mas não irá alterar a rotina do jovem tenista. “Vou continuar o mesmo de sempre. Em relação ao meu tênis, acho que este torneio vai me mudar. Ter podido disputar tantos jogos no US Open e desfrutar de um torneio desta categoria me deu muito, ganhei muita experiência para os próximos torneios e cresci bastante”.

Comentários