Notícias | Dia a dia
Nadal não se recupera e desiste de jogar em Toronto
10/08/2021 às 18h29

Nadal ainda sente o desconforto no pé esquerdo, que já o incomoda há alguns meses

Foto: National Bank Open

Toronto (Canadá) - Apesar de ter mostrado confiança de que estava se recuperando da recente lesão no pé esquerdo, Rafael Nadal está fora da disputa do Masters 1000 de Toronto. O espanhol anunciou sua desistência na tarde desta terça-feira, um dia antes da partida em que enfrentaria o sul-africano Lloyd Harris. Nadal ficou sem jogar desde a queda na semifinal de Roland Garros até a semana passada, quando disputou o ATP 500 de Washington e caiu nas oitavas, já se queixando do desconforto no pé.

"Queria muito jogar aqui, mas agora é o momento de tomar uma decisão e infelizmente esta foi a minha escolha", disse o espanhol. "O principal agora é que não estou conseguindo jogar aqui e me sinto mal por isso. Provavelmente nos próximos dias saberemos mais. Eu tenho esse problema há alguns meses, como as pessoas sabem. E depois de todo o sucesso que tive aqui no Canadá, é muito triste não poder jogar esse ano", comenta o vencedor de cinco títulos no evento.

"Preciso tentar encontrar um jeito de estar melhor de novo. No final das contas, o mais importante para mim é gostar de jogar tênis. Hoje, com essa dor, não estou conseguindo aproveitar, e realmente não acredito que teria chances de lutar como eu gostaria", explica o dono de 20 troféus de Grand Slam.

"Estou sentindo dor durante os últimos meses, mas queria tentar mesmo assim. Eu até fui para Washington e tentei muito lá. As pessoas que acompanham tênis e assistiram os jogos pela TV viam que eu estava sofrendo, principalmente naquela primeira partida", lembrou o número 4 do mundo, que venceu Jack Sock na estreia em Washington, e depois perdeu para o próprio Harris. "E eu estava sofrendo nos treinos também, mas você sempre espera uma melhora. Foi por isso que vim para cá, mas a melhora não aconteceu. Então, acredito que não posso competir no meu melhor nível porque o pé não me permite me mover da maneira que preciso".

Nadal também falou aos fãs, por meio de suas redes sociais: "Eu sinto muito por não ter condição de jogar esse ano. Ainda não estou pronto para isso, eu me sinto mal. Eu amo esse evento, tenho ótimas lembranças ao longo dos anos. Eu realmente espero voltar a Toronto daqui a dois anos. Vejo vocês em breve".

Espanhol já perdeu os pontos, López entra na chave
A desistência não deverá ter impacto no ranking de Nadal. Ele já perdeu na última segunda-feira 500 dos 1.000 pontos do título de 2019. Os outros 500 pontos caem em agosto de 2022. A vaga na chave será ocupada pelo também espanhol Feliciano López, que entra como lucky-loser e enfrentará Harris nesta quarta-feira. Quem vencer já estará nas oitavas contra o búlgaro Grigor Dimitrov ou o norte-americano Reilly Opelka.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva