Notícias | Dia a dia
Com 3 títulos seguidos, Ruud repete feito de Murray
31/07/2021 às 19h16

Ruud emendou uma série de vitórias nas últimas três semanas no saibro

Foto: Generali Open

Kitzbuhel (Áustria) - A série de torneios ATP 250 em quadras de saibro no mês de julho não poderia ser melhor para Casper Ruud. Campeão em Bastad e Gstaad nas últimas semanas, o norueguês conquistou seu terceiro título seguido no piso ao triunfar em Kitzbuhel. Principal cabeça de chave do torneio e número 14 do mundo, Ruud superou neste sábado o espanhol Pedro Martinez, 97º do ranking, por 6/1, 4/6 e 6/3 em 2h09 de partida.

Ruud ampliou sua série invicta no saibro para 11 jogos e, com os três títulos em semanas consecutivas, repete um feito de Andy Murray de dez anos atrás. Em 2011, o britânico emendou uma sequência de conquistas com o ATP 250 de Bangkok, o ATP 500 de Tóquio e o Masters 1000 de Xangai.

Este foi o quinto título de ATP na carreira de Ruud e o quarto na temporada. Todas as suas conquistas foram em quadras de saibro. No ano passado, o norueguês havia sido campeão em Buenos Aires. Já em 2021, venceu o ATP de Genebra, às vésperas de Roland Garros, antes dos três títulos deste mês. Ele tem outras duas finais de ATP na carreira, também no saibro.

Em sua superfície favorita, Ruud venceu 28 partidas em 2021 e perdeu apenas cinco. Outras boas campanhas de destaque foram as semifinais dos Masters 1000 de Monte Carlo e Madri, e também do ATP de Munique. Em outros pisos, tem apenas sete vitórias na temporada.

A conquista também fará Ruud ter o melhor ranking da carreira, assumindo o 12º lugar. Já Martinez, que disputou sua primeira final de ATP, deve saltar no ranking e se firmar entre os 80 melhores do mundo. O espanhol de 24 anos chegou a eliminar o cabeça 2 Roberto Bautista Agut nas oitavas de final.

A partida começou melhor para Ruud, que não enfrentou break-points durante o set inicial e conseguiu duas quebras para definir a parcial. Houve uma longa paralisação por chuva durante o segundo set. Na volta, o norueguês não aproveitou o break-point que teve a acabou sofrendo uma quebra já no último game da parcial. Já no set decisivo, Ruud conseguiu duas quebras e abriu 5/1. Ele não aproveitou a chance de sacar para o jogo, mas definiu a vitória no game seguinte.

Comentários
Loja - camisetas
Torneio Teodózio