Notícias | Dia a dia
Nishikori mantém chama japonesa acesa no tênis
27/07/2021 às 10h04
Felipe Priante
De Tóquio, especial para TenisBrasil

Tóquio (Japão) - Com a eliminação da japonesa Naomi Osaka, a esperança de medalha em simples para os anfitriões segue viva nas costas de Kei Nishikori, que já levou o bronze na última edição dos Jogos Olímpicos. Em Tóquio, o atleta da casa se garantiu nas oitavas de final nesta terça-feira, batendo o norte-americano Marcos Giron com parciais de 7/6 (7-5), 3/6 e 6/1.

Nishikori oscilou um pouco durante a partida, mas na reta final conseguiu elevar o nível e garantiu mais uma vitória, depois de ter superado na estreia o russo Andrey Rublev. O japonês tem boas chances de avançar, já que o próximo oponente é o bielorrusso Iliya Ivashka, que bateu o cazaque Mikhail Kukushkin de virada, com placar final de 6/7 (4-7), 6/3 e 6/3.

Dois cabeças de chave foram eliminados nesta terça-feira. O principal deles foi o polonês Hubert Hurkacz, surpreendido em três sets pelo britânico Liam Broady, que bateu o sétimo favorito com parciais de 7/5, 3/6 e 6/3 e agora enfrentará o francês Jeremy Chardy, algoz de outro cabeça de chave, o russo Aslan Karatsev, que caiu com placar de 7/5, 4/6 e 6/3.

Em contrapartida, o argentino Diego Schwartzman fez valer a condição de oitavo mais bem cotado e superou o tcheco Tomas Machac com parciais de 6/4 e 7/5. Nas oitavas de final ele terá pela frente o russo Karen Khachanov, cabeça de chave 12, que venceu o australiano James Duckworth em sets diretos, marcando 7/5 e 6/1.

Fechando a lista de classificados para as oitavas aparece o 14º pré-classificado Ugo Humbert, mais um que saiu perdendo e conseguiu se recuperar, batendo o sérvio Miomir Kecmanovic  com parciais de 4/6, 7/6 (7-5) e 7/5. O francês desafiará na próxima rodada o grego Stefanos Tsitsipas, que mais cedo elevou o nível e venceu o norte-americano Frances Tiafoe por 2 sets a 0.

Comentários
Loja - camisetas
Torneio Teodózio