Notícias | Dia a dia
Osaka joga 'com público' e vence 1º teste desde Paris
25/07/2021 às 03h16
Felipe Priante
De Tóquio, especial para TenisBrasil

Tóquio (Japão) - Em sua primeira aparição desde a desistência em Roland Garros, a japonesa Naomi Osaka não foi brilhante, mas jogou suficientemente bem para vencer sem sustos a chinesa Saisai Zheng, anotando parciais de 6/1 e 6/4, em 1h29 de partida. A tenista da casa é agora a principal favorita na disputa, já que a número 1 do mundo Ashleigh Barty foi eliminada na estreia.

Apesar da ausência de público em quadra, o palco principal do Ariake Tennis Park estava bem longe de totalmente vazio e pelo menos 100 pessoas acompanharam o jogo de Osaka, entre elas jornalistas, fotógrafos, membros da organização, tenistas e membros da comissão japonesa.

Dois dias após acender a pira olímpica abrindo os Jogos de Tóquio, a japonesa começou com tudo e venceu os cinco primeiros games, embora tenha precisado salvar três break-points antes de fazer 5/0. Bastou então a Osaka administrar a enorme vantagem confirmando o próximo serviço que teve, fechando assim a parcial inicial.

No segundo set as coisas se equilibraram mais. Zheng foi a primeira a ter chance de quebra, logo no segundo game, mas a deixou escapar e acabou pagando caro, uma vez que logo na sequência a chinesa perdeu o saque. Osaka voltou a enfrentar break-poins contra no oitavo game, salvando mais dois.

A japonesa teve seus primeiros match-points quando Zheng sacava em 3/5, não os converteu e deixou para selar a vitória com o seu saque, vencendo de zero. Na próxima rodada, Osaka terá pela frente a suíça Viktorija Golubic, que anotou parciais de 6/4 e 6/1 diante da jovem colombiana Maria Camila Osorio na estreia.

Osaka foi econômica na conversa com os jornalistas após a partida, respondeu quatro perguntas em inglês e mais duas em japonês. Feliz com o seu retorno às quadras, ela se mostrou contente em passar pela primeira rodada e não mostrou problema algum no contato com a imprensa.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva