Notícias | Dia a dia
Chave aberta em Gdynia pode render salto no ranking
21/07/2021 às 20h29

A alemã Tamara Korpatsch, de 26 anos e 162ª do ranking, está nas quartas e tenta se reaproximar do top 100

Foto: Divulgação

Gdynia (Polônia) - Com as várias desistências de última hora, o WTA 250 de Gdynia se tornou uma oportunidade de ouro para várias jogadoras tentarem um salto no ranking. O torneio, que dá 280 pontos à campeã, já tem duas jogadoras de fora do top 150 nas quartas de final, que aproveitam a chave bastante aberta para buscar uma rápida evolução e vagas em torneios maiores do circuito.

Uma das jogadoras que já está nas quartas é a alemã Tamara Korpatsch, de 26 anos e 162ª do ranking. Ela venceu nesta quarta-feira a lucky-loser polonesa Weronika Falkowska por 7/5 e 6/1. Korpatsch só disputou uma semifinal de WTA na carreira, há dois anos, em Lausanne e seu melhor ranking foi o 107º lugar. Se for campeã, deve se aproximar novamente do top 100.

+ Experiente georgiana vence a 1ª na WTA aos 29 anos
+ Após desistências, torneio na Polônia tem 6 lucky-losers

Sua adversária nas quartas será a húngara vinda do quali Anna Bondar, 231ª colocada, que venceu a eslovaca Anna Karolina Schmiedlova, ex-top 30 e atual 123ª do mundo, por 6/2, 6/7 (5-7) e 6/1. Bondar está com 24 anos, nunca passou da 177ª posição. Pela campanha, está voltando ao top 200 e pode terminar a semana entre as 150 melhores do ranking.

Ainda nesta quarta-feira, a eslovaca Viktoria Kuzmova estreou com vitória ao superar a jovem russa de 20 anos Varvara Gracheva, cabeça 7 do torneio e 89ª do mundo, por 6/4, 6/7 (4-7) e 7/5. Kuzmova está com 23 anos e já foi 43ª do ranking em 2019, mas atualmente ocupa a 156ª colocação. Ela enfrenta nas oitavas a belga Maryna Zanevska, 165ª, que venceu a norte-americana Jamie Loeb por 6/2 e 6/0.

Um jogo das oitavas foi suspenso em andamento nesta quarta-feira. A romena Irina Bara liderava o placar contra a eslovaca Kristina Kucova por 6/3, 5/7 e 4/2. A partida será retomada nesta quinta, e a vencedora pode enfrentar a norte-americana Varvara Lepchenko e a georgiana Ekaterine Gorgodze.

Comentários
Loja - camisetas
Torneio Teodózio