Notícias | Beach Tennis
Esplanada dos Ministérios sediará ITF de beach tennis
20/07/2021 às 16h19

Serão montadas 18 quadras, além de uma superquadra central.

Foto: Divulgação

Brasília (DF) - Em outubro, o Beach Tennis vai transformar a Esplanada dos Ministérios, em Brasília (DF), em uma praia, a milhares de quilômetros do mar. Entre os dias 12 e 17, o ITF Sand Series Brasília'21, o principal torneio oficial da modalidade nas Américas, está previsto para ser realizado no Eixo Monumental, em um complexo de 18 quadras e uma superquadra central, onde estarão os melhores jogadores do Brasil e os maiores nomes do esporte no mundo, entre amadores e profissionais. A categoria profissional contará com premiação de US$ 35 mil.

Os italianos, criadores do esporte, as revelações russas e espanholas, junto com atletas de outras nacionalidades, mostrarão seu talento. Ao lado deles, os brasileiros, atuais campeões mundiais por equipes, liderados por André Baran e Vini Font, números 6 e 7 do ranking mundial, além de Rafaella Miiller, nº 1 do mundo, e da multicampeã Joana Cortez, nº 9 do ranking.

Paralelamente ao ITF Sand Series Brasília'21, será realizado um torneio amador oficial, contando pontos para o ranking da Confederação Brasileira de Tênis (CBT), com atletas de 12 a 70 anos.

Com dez anos de expansão, o Beach Tennis vem crescendo ao redor do mundo, principalmente entre os brasileiros. Números dos torneios oficiais da ITF, de 2008 a 2019, mostram uma taxa de crescimento de 2.000%. Só no Brasil são mais de 250 eventos oficiais por ano. E mais de 500 mil praticantes nos mais diferentes países. 

"Para nós será muito especial contar com um torneio internacional deste nível, que colocará Brasília no calendário de uma das maiores competições de Beach Tennis do mundo", afirma o governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha.

Grand Slam do Beach Tennis - O ITF Sand Series de Beach Tennis reúne os torneios mais importantes e com maior premiação na modalidade. O objetivo da Federação Internacional de Tênis (ITF) é que se tornem eventos de tradição e calendário fixo nos países-sede, assim como os quatro Grand Slam no tênis. Além do Brasil, o circuito conta com etapas na Alemanha, Espanha e França, e o Finals na África do Sul.

"A ITF está muito feliz por nos aproximarmos do lançamento dos principais torneios de Beach Tennis, o Sand Series, em 2021. Esta iniciativa prevê eventos na África, Europa e América do Sul no segundo semestre deste ano", afirma David Haggerty, presidente da Federação Internacional.

"É uma satisfação que a Confederação Brasileira de Tênis, parceira valiosa em todas as atividades da ITF, tenha assumido o desafio de organizar o torneio South American Sand Series, Sand Series Brasília'21", completa Haggerty.

Para transformar a Esplanada em praia serão usadas 1.500 toneladas de areia. E, por ser realizado na principal avenida da capital federal, o evento pretende levar toda a emoção do esporte para o grande público, em um espaço de 10 mil m², ao lado do Teatro Nacional e a poucos metros da Catedral.

"Nós, da Confederação Brasileira de Tênis, estamos muito motivados para receber mais uma etapa e um grande desafio do Beach Tennis em nível mundial. Queremos agradecer a ITF, que acreditou nesse projeto desde o início, mesmo em um contexto tão difícil como o que estamos vivendo no mundo. Mas, atendendo aos protocolos e diretrizes de segurança em relação à Covid-19, temos convicção de que será um evento para ficar na história e ser repetido pelos próximos anos", afirma Rafael Westrupp, presidente da CBT.

Giselle Ferreira, secretária de Esporte e Lazer do Distrito Federal, destaca a realização do evento. “Vamos receber de braços abertos os maiores atletas de beach tennis do mundo para, juntos, transformar a Esplanada dos Ministérios, um dos maiores símbolos políticos do nosso País, em um grande cenário praiano.”

Além dos jogos - Diversas atividades estão sendo planejadas para minimizar o impacto no meio ambiente: evento neutro em carbono, coleta seletiva com triagem no evento e evento Plástico Zero. Assim como as voltadas para responsabilidade social, com visitas de crianças e adolescentes de escolas públicas, o Adote uma Quadra – gerando renda para projetos parceiros – e o Ingresso Solidário – Alimentando o Brasil: o ingresso terá uma contribuição solidária de 1kg de alimento por pessoa. A meta é arrecadar mais de 3.000kg.

Comentários