Notícias | Dia a dia
Finalistas em Lausanne buscam conquista inédita
17/07/2021 às 15h40

Tamara Zidansek vai para sua terceira final de simples na WTA e tenta o primeiro título

Foto: WTA

Lausanne (Suíça) - A final de WTA 250 de Lausanne terá duas atletas em busca de um título inédito no circuito. Cabeça de chave número 1 do torneio, a eslovena Tamara Zidansek chega na decisão com o favoritismo ao seu lado, mas terá que superar a sensação francesa Clara Burel, que está em franca evolução aos 20 anos.

Semifinalista em Roland Garros, a eslovaca fez valer o bom momento e derrotou a belga Maryna Zanevska em sets diretos, com parciais de 7/5 e 6/3, em 1h35. Já na outra semi do dia, a jovem Burel saiu do buraco no clássico francês com Caroline Garcia, derrubando a compatriota de virada, após estar um set e uma quebra abaixo, triunfando com 5/7, 6/2 e 6/2, após 2h25 de jogo.

Ex-número 1 juvenil, Burel vai disputar sua primeira final de WTA da carreira. A melhor exibição anterior da jovem de 20 anos neste nível foi alcançar as quartas de final em Lyon em fevereiro. Seu maior título até o momento foi no W60 de Saint-Gaudens em maio.

Do outro lado, Zidansek jogou e perdeu as duas finais de WTA em simples que já disputou. Dois anos atrás, ela foi derrotada por Yulia Putintseva em Nuremberg, e na atual temporada perdeu a decisão de Bogotá para Maria Camila Osorio Serrano. A eslovena tem apenas títulos nas duplas, vencendo Palermo e Linz em 2020 e Tashkent em 2018.

Comentários
Loja - camisetas
Torneio Teodózio