Notícias | Dia a dia
Recuperada, Stefani agora planeja torneios nos EUA
03/07/2021 às 21h32

Em Wimbledon, Stefani disputou seu primeiro torneio desde a cirurgia no apêndice

Foto: Reprodução/Instagram

Londres (Inglaterra) - Apesar de ter caído ainda na estreia de duplas femininas e na segunda rodada de duplas mistas em Wimbledon, a brasileira Luísa Stefani tem a comemorar sua recuperação física. O torneio foi o primeiro desde que ela precisou fazer uma cirurgia de emergência por conta de apendicite e não disputado Roland Garros. Ela agora retorna para a Saddlebrook Academy, na Flórida, de olho nos torneios norte-americanos em quadras duras.

"Obviamente chateada com os resultados, mas vou poder voltar para casa para treinar bem e firmar a mente e o corpo e ir muito firme para gira de quadra rápida nos Estados Unidos", disse Stefani, que perdeu neste sábado ao lado de Marcelo Demoliner para a norte-americana Hayley Carter e o belga Sander Gille por 6/2, 3/6 e 6/3. "Infelizmente não deu hoje na mista, jogo duro contra minha própria parceira, mas valeu a semana. Eu não sabia se poderia jogar aqui, mas pude vir".

Brasileira mais bem colocada no ranking das especialistas em duplas, Stefani aparece atualmente no 23º lugar da WTA. A paulistana de 23 anos já disputou quatro finais ao lado de Carter na temporada, no WTA 1000 de Miami, nos 500 de Abu Dhabi e Adelaide, e também no torneio da série 125k Saint-Malo. Elas estão no sétimo lugar na corrida por uma vaga no WTA Finals.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva