Notícias | Dia a dia | Wimbledon
Djoko aposta na experiência para fechar o Slam
30/06/2021 às 20h13

Djokovic tem a chance de conquistar os quatro Grand Slam na mesma temporada

Foto: Ian Walton/AELTC

Londres (Inglaterra) - Vencedor do Australian Open e de Roland Garros nesta temporada, Novak Djokovic tem uma possibilidade de lutar por um feito inédito em sua carreira, conquistar os quatro Grand Slam no mesmo ano. O sérvio já teve essa chance em 2016, quando também venceu em Melbourne e Paris, mas caiu precocemente em Wimbledon. Depois de vencer o sul-africano Kevin Anderson nesta quarta-feira por triplo 6/3 pela segunda rodada em Londres, o número 1 do mundo diz que aposta em sua experiência anterior para seguir na busca por um feito raríssimo na história do esporte.

"Vou tentar aprender com a experiência que tive em 2016, quando venci os dois primeiros Grand Slam do ano e vim para cá realmente me sentindo muito bem, mas depois perdi a terceira rodada para um grande adversário, como o Sam Querrey, que foi o melhor jogador daquele dia", disse Djokovic. "Eu estava um pouco diferente, talvez um pouco desanimado naquele dia. Foi a primeira vez que experimentei esse tipo de situação e circunstâncias. Então, desta vez, eu provavelmente estou um pouco mais sábio e um pouco mais experiente como jogador e pessoa".

"Fiz apenas duas partidas para o torneio e ainda há um longo caminho a percorrer. Espero que eu possa ir muito longe no torneio. Esse é o objetivo. Nesta fase da minha carreira, eu pretendo atingir meu pico nos maiores torneios do nosso esporte, que são os Grand Slam. Esses são os torneios que mais importam. É claro que os Masters 1000 também são importantes para que eu possa manter uma posição elevada no ranking", explica o sérvio, que agora enfrenta o norte-americano Denis Kudla.

Vivendo um momento espetacular no circuito aos 34 anos, o sérvio não tem como mensurar por quanto tempo vai continuar jogando. "Idade é apenas um número. É assim que eu realmente vejo. Eu realmente não penso em quantos anos estou no circuito. Tudo uma questão de percepção. Eu realmente acredito que muitas coisas relacionadas à saúde. Sinto que também estou aprendendo coisas novas sobre mim dentro e fora da quadra".

"Estou tentando implementar diferentes elementos ao meu jogo e também ao meu estilo de vida que me ajudem a ter longevidade. Porque eu quero continuar", garante o vencedor de 19 títulos de Grand Slam. "Não tenho nenhuma meta em termos de quantos anos mais quero jogar. Enquanto eu sentir esse desejo, enquanto estiver em forma, vou continuar".

Comentários