Notícias | Dia a dia | Wimbledon
Tiafoe vence mais uma, Rublev vai desafiar Fognini
30/06/2021 às 17h26

Tiafoe ainda não perdeu sets no torneio e agora enfrenta o russo Karen Khachanov

Foto: AELTC/Jed Leicester

Londres (Inglaterra) - O bom momento de Frances Tiafoe em Wimbledon continua nesta semana. Depois de eliminar o cabeça 3 Stefanos Tsitsipas na primeira rodada, o norte-americano de 23 anos e 57º do ranking venceu mais uma no torneio e segue sem perder sets. Tiafoe superou o canadense Vasek Pospisil por triplo 6/4 em 2h03 de partida.

Ao atingir a terceira rodada, Tiafoe iguala o melhor resultado da carreira em Wimbledon, obtido em 2018. Ele agora enfrenta o russo Karen Khachanov, ex-top 10 e atual 29º colocado, que derrotou o bielorrusso Egor Gerasimov com o placar de 6/1, 7/6 (7-3) e 6/3. Khachanov venceu o único duelo anterior contra Tiafoe, disputado justamente no Grand Slam londrino, há três temporadas.

Outra vitória russa na rodada veio com Andrey Rublev. O número 7 do mundo superou o sul-africano Lloyd Harris por 6/1, 6/2 e 7/5. Rublev está com 23 anos, disputa seu terceiro Wimbledon e já faz sua melhor campanha no torneio. Seu adversário na próxima fase será o experiente italiano de 34 anos Fabio Fognini, 31º do ranking, que venceu o sérvio Laslo Djere por 6/3, 6/4, 0/6 e 6/4. Fognini lidera o histórico contra Rublev por 5 a 2.

Schwartzman e Korda também avançam em Londres
Quem também garantiu vaga na terceira fase foi o argentino Diego Schwartzman, número 11 do ranking e cabeça 9 do torneio. Ele superou o britânico Liam Broady por 4/6, 6/2, 6/1 e 6/4. Seu adversário na próxima fase é o húngaro Marton Fucsovics, que liderava contra o tcheco Jiri Vesely por 6/3 e 5/4 antes de o adversário abandonar a disputa. O argentino venceu o único duelo anterior com Fucsovics, disputado no saibro de Roland Garros em 2019.

O jovem norte-americano de 20 anos Sebastian Korda, 50º do ranking, também garantiu vaga na terceira rodada. Ele precisou de 2h48 para vencer o francês Antoine Hoang por 7/5, 6/4 e 6/4. Korda, que disputa Wimbledon pela primeira vez na carreira, encara o britânico Daniel Evans, que bateu o sérvio Dusan Lajovic por 6/3, 6/3 e 6/4. O confronto entre eles será inédito no circuito profissional.

Comentários