Notícias | Dia a dia
Osorio supera falta de experiência na grama e fura quali
25/06/2021 às 21h03

A jovem colombiana de 19 anos disputa apenas seu segundo torneio profissional na grama

Foto: AELTC

Londres (Inglaterra) - Assim como havia acontecido em Roland Garros, a colombiana de 19 anos Maria Camila Osorio conseguiu uma vaga na chave principal de Wimbledon depois de passar por um quali de três rodadas. A atual número 94 do mundo venceu nesta sexta-feira a espanhola Nuria Parrizas Diaz por 3/6, 6/2 e 6/2. Antes disso, ela vinha de vitórias sobre a taiwanesa En-Shuo Liang e contra a húngara Panna Udvardy.

O quali de Wimbledon foi apenas o segundo torneio na grama de sua carreira profissional. Há duas semanas, ela jogou o WTA de Nottingham e caiu na estreia. Antes disso, só havia atuado no piso como juvenil, entre 2017 e 2019. "Eu nem sei o que estou fazendo, estou apenas jogando", disse Osorio Serrano, em entrevista ao site de Wimbledon.

"Normalmente, quando estou jogando no saibro, eu fico um pouco longe da linha de base, e uso o meu forehand com topspin, mudo meu ritmo e corro de um lado para o outro. Mas aqui na grama, meu treinador me disse apenas para ficar mais perto da linha de base, e bater mais reto na bola e acertar muitos primeiros saques. É basicamente isso", comenta a colombiana, que estreia na chave principal contra outra jogadora vinda do quali, a russa Anna Kalinskaya.

"Na verdade, estou um pouco surpresa porque não treinei muito em quadras de grama, então foi um pouco difícil me acostumar com a superfície", comenta a jovem tenista. "Mas eu sinto que estou indo muito bem, estou gostando de cada ponto que estou jogando. É diferente, mas às vezes você precisa sair da sua zona de conforto para ser uma campeã. Acho que apenas tento fazer o meu melhor, mesmo que não seja a minha quadra favorita. Estou feliz e orgulhosa do que tenho feito nestes dias".

Konjuh, Wang e Burel também garantem vagas
A croata Ana Konjuh, ex-top 20 e atual 131ª do ranking, também furou o quali. A jogadora de 23 anos e que tem um longo histórico de lesões e cirurgias no cotovelo superou nesta sexta-feira a búlgara Tsvetana Pironkova, de 33 anos e semifinalista do torneio em 2010, por 6/2, 4/6 e 6/2. Antes disso, ela havia passado pela russa Varvara Flink e pela anfitriã de 17 anos Matilda Mutavdzic. Sua estreia na chave principal será contra a tcheca Katerina Siniakova.

Também avançou a francesa Clara Burel, jovem de 20 anos e 143ª do mundo. A ex-líder do ranking juvenil bateu a australiana Storm Sanders por 4/6, 6/3 e 7/5 para garantir uma vaga inédita em Wimbledon e jogar o quinto Grand Slam da carreira. Burel enfrenta a australiana Ellen Perez, também vinda do quali. Outra jovem a furar o quali foi a chinesa de 19 anos Xinyu Wang. Ela venceu a tcheca Tereza Smitkova por 6/4 e 6/3 e agora desafia a cabeça 4 Sofia Kenin.

A lista de jogadoras que furaram o quali de Wimbledon também inclui a veterana romena de 33 anos Monica Niculescu, além de outras tenistas experientes como a ucraniana Lesia Tsurenko e a bielorrussa Olga Govortsova. Fazem parte do grupo as norte-americanas Danielle Lao, Katie Volynets e Claire Liu, além da belga Greet Minnen, da britânica Katie Swan, da russa Vitalia Diatchenko, da australiana Ellen Perez e da holandesa Lesley Kerkhove.

Comentários
Loja - camisetas
Arena BTG