Notícias | Dia a dia
Yastremska reverte suspensão e pode voltar a jogar
22/06/2021 às 19h26

Decisão de tribunal independente autoriza a tenista a retornar ao circuito

Foto: Arquivo

Londres (Inglaterra) - Após apresentar uma série de recursos, a ucraniana Dayana Yastremska finalmente conseguiu reverter sua suspensão provisória por doping. A Federação Internacional de Tênis (ITF) emitiu um comunicado nesta terça-feira informando que a jogadora de 21 anos e 37ª do ranking está autorizada a voltar a jogar. Ela estava afastada do circuito desde 7 de janeiro de 2021, depois que um exame realizado fora do período de competições, em novembro de 2020, indicou a presença da substância mesterolona.

"Uma decisão foi emitida por Tribunal Independente no âmbito do Programa Antidopagem de Tênis determinou que que Dayana Yastremska cometeu uma violação das regras antidopagem, mas sem qualquer culpa ou negligência de sua parte. Portanto, nenhum período de inelegibilidade foi imposto", diz a nota da ITF.

"Yastremska foi acusada de uma violação da regra antidopagem nos termos do Artigo 2.1 do regulamento (presença de uma substância proibida na amostra de um jogador) em 22 de dezembro de 2020 e foi provisoriamente suspensa a partir de 7 de janeiro de 2021. Mas após uma audiência, o tribunal independente aceitou o relato da tenista sobre como a mesterolona entrou em seu sistema e determinou que ela não cometeu nenhuma falta ou negligência pela violação", seguiu o comunicado.

"Portanto, a suspensão provisória de Yastremska é revertida com efeito imediato, e ela não cumprirá qualquer período adicional de suspensão por sua violação. Para evitar dúvidas, Yastremska pode retomar as competições imediatamente", afirmou a entidade, resguardando o fato de que outras organizações podem tentar recorrer. "Esta decisão está sujeita a recurso pela WADA (Agência Mundial Antidoping), pela Agência Nacional Antidoping da Ucrânia e também pelo Tribunal Arbitral do Esporte (TAS)".

Durante sua tentativa de reverter a suspensão, Yastremska chegou a protocolar dois recursos junto à ITF e mais dois TAS, mas as respostas foram sempre negativas.

Comentários
Loja - camisetas
Tennis Camp