Notícias | Dia a dia
Título de Samsonova rende convite para Wimbledon
20/06/2021 às 17h45

Campeã na grama de Berlim, russa fará sua primeira aparição em Wimbledon

Foto: Jimmie48/WTA

Berlim (Alemanha) - O domingo foi duplamente especial para Liudmila Samsonova. Logo depois de comemorar o primeiro título da carreira no WTA 500 de Berlim, a russa de 22 anos recebeu um convite para disputar a chave principal de Wimbledon. Samsonova iniciou a semana como 106ª do ranking e precisou vencer sete jogos seguidos nas quadras de grama da capital alemã para conquistar o torneio.

"É inacreditável. O título significa muito para mim e é com isso que sempre sonhei", disse Samsonova, que fará sua primeira participação na chave de Wimbledon, depois de ter atuado apenas no quali em 2019. A russa já esteve em cinco Grand Slam durante sua carreira profissional, conquistando apenas uma vitória no Australian Open deste ano. "Acabaram de me avisar que terei um convite para a chave principal, então estou muito feliz".

+ Samsonova completa semana dos sonhos com título
+ Surpresa russa assombra favoritas no WTA de Berlim
+ Vinda do quali, Samsonova derruba Azarenka na semi

Vinda do quali em Berlim, Samsonova havia derrotado outras jogadoras de destaque como Ana Konjuh, Madison Keys, Marketa Vondrousova e Victoria Azarenka. Já na final deste domingo, ela derrubou mais uma favorita e superou a suíça Belinda Bencic, número 12 do mundo, por 1/6, 6/1 e 6/3 em 1h37 de partida.

"Eu estava muito nervosa hoje, tanto antes da partida, como também durante o primeiro set. Mas disse a mim mesma 'Ok, vamos tentar um jogo mais agressivo', e funcionou", disse a russa, que disparou 14 aces contra seis de Bencic, e liderou a estatística de winners por 28 a 12. Durante o segundo set, ela fez 12 a 0 em winners. "Eu estava tentando continuar no jogo e tentando ser agressiva desde a primeira bola, tanto no meu saque, quando nas devoluções. Esse era o meu foco".

Convite para a russa foi o último da para chave de Wimbledon
Antes de sua excelente semana em Berlim, Samsonova sequer tinha vitórias na grama em chaves principais de WTA, tendo caído na estreia de Nottingham em 2019 e disputados os qualis de Birmingham e Wimbledon naquele ano. Sua melhor campanha na elite do circuito havia sido uma semifinal no saibro de Palermo, também em 2019.

A organização de Wimbledon já havia anunciado outros seis convites para a chave principal ao longo da semana, com destaque para a pentacampeã Venus Williams, além das vagas para as britânicas Katie Boulter, Jodie Burrage, Harriet Dart, Francesca Jones, Samantha Murray e Emma Raducanu. A direção do torneio teria direito a mais um convite, mas preferiu não exercê-lo, dando a vaga para a próxima jogadora que estiver na lista de espera para a chave.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva