Notícias | Dia a dia
Samsonova completa semana dos sonhos com título
20/06/2021 às 13h46

Vinda do quali, Liudmila Samsonova venceu sete jogos seguidos e assombrou as favoritas em Berlim

Foto: Divulgação

Berlim (Alemanha) - Terminou da melhor maneira possível a incrível semana de Liudmila Samsonova no WTA 500 de Berlim. Vinda do qualificatório, a russa de 22 anos e apenas 106ª do ranking comemorou a sétima vitória seguida nas quadras de grama da capital alemã e venceu seu primeiro título no circuito. Assim como aconteceu ao longo de toda a semana, Samsonova derrubou mais uma favorita. Ela superou neste domingo a suíça Belinda Bencic, número 12 do mundo, por 1/6, 6/1 e 6/3 em 1h37 de partida.

Ao longo da semana em Berlim, Samsonova havia derrotado outras jogadoras de destaque como Ana Konjuh, Madison Keys, Marketa Vondrousova e Victoria Azarenka. Mas antes do torneio ela sequer tinha vitórias na grama em chaves principais de WTA, tendo caído na estreia de Nottingham em 2019 e disputado os qualis de Birmingham e Wimbledon naquele ano. E mesmo nas últimas semanas, atuando no saibro, também não conseguia chegar longe nos torneios.

+ Surpresa russa assombra favoritas no WTA de Berlim
+ Vinda do quali, Samsonova derruba Azarenka na semi

O título em Berlim garantiu 495 pontos no ranking para Samsonova, sendo 25 por ter furado o quali e mais 470 pelas cinco vitórias na chave principal. Isso garante um salto no ranking para a jogadora russa, que deve se firmar no 65º lugar. A vitória sobre Bencic foi sua segunda contra top 20 na semana e a terceira na temporada. Antes da ótima campanha nas quadras de grama, ela havia derrotado a então número 11 do mundo Kiki Bertens em Miami.

Russa disparou 14 aces na final deste domingo
Assim como fez ao longo de toda a semana, Samsonova apostou na potência de seu saque e de seus golpes, além de exibir um tênis agressivo. A russa disparou 14 aces contra seis de Bencic, e liderou a estatística de winners por 28 a 12. Além disso, terminou a partida com um erro a menos que a suíça, 15 contra 16 de sua adversária.

A final deste domingo começou melhor para Bencic, que dava sinais de que espantaria a zebra. Apesar de os primeiros games serem longos, a suíça prevalecia nos momentos mais importantes e conseguiu duas quebras seguidas para abrir 5/0. A russa até conseguiria evitar o 'pneu', mas não teve um break-point durante a parcial.

A partir do segundo set, Samsonova começou a se impor. Ela disparou sete aces durante a parcial, cedeu apenas cinco pontos em seus games de serviço e marcou incríveis 12 a 0 em winners para empatar a partida.

Logo na abertura do terceiro set, a russa quebrou para fazer 2/0 e não vinha dando chances em seu saque. Bencic escapou de uma nova quebra no sétimo game, quando perdia por 4/2, e teve três break-points na sequência, mas a russa sacou muito bem nos momentos de maior pressão. Com 5/3 no placar, atacou nas devoluções e utilizou bolas profundas para conseguir uma nova quebra de serviço e conquistar o título.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva