Notícias | Dia a dia
Wild não passa da estreia em challenger na grama
15/06/2021 às 12h45

Nottingham (Inglaterra) - A primeira incursão do paranaense Thiago Wild na temporada de grama não durou muito e terminou logo em sua estreia no challenger de Nottingham, nesta terça-feira. Ele não foi páreo para o australiano Alex Bolt, que aproveitou o embalo pós furar o quali e venceu o brasileiro em sets diretos, com parciais de 6/2 e 6/4.

O primeiro set da partida começou com Wild confirmando o serviço. Só que depois disso ele amargou duas quebras seguidas, vendo o rival australiano abrir confortáveis 5/1. O jovem paranaense conseguiu no máximo uma chance de quebra quando Bolt sacava para o set, mas não a aproveitou e perdeu a parcial.

Não bastasse a derrota no set anterior, o paranaense saiu perdendo os quatro primeiros games na segunda parcial e viu sua situação ficara bastante complicada. Mais uma vez com duas quebras de desvantagem, Wild até devolveu um dos breaks e chegou a fazer 3/4, mas parou por aí e não teve forças para evitar que Bolt fizesse 6/4 e selasse a vitória.

Gutierrez perde no saibro de Aix-en-Provence

Embora em outro piso, o gaúcho Oscar José Gutierrez teve o mesmo resultado de Wild. Depois de entrar na chave como lucky-loser, após perder na última do quali, ele não passou da estreia no challenger de Aix-en-Provence, na França, e foi superado pelo argentino Renzo Olivo em sets diretos, com parciais de 7/6 (7-3) e 6/4.

A partida foi equilibrada e definida em poucos pontos. Olivo teve aproveitamento levemente superior com o saque (60% contra 54%) e também se deu melhor nos break-points, converteu quatro dos oito que teve a seu favor e salvou seis dos nove que enfrentou.

Comentários
Loja - camisetas
Tennis Camp