Notícias | Dia a dia | Roland Garros
Herbert e Mahut voltam a final de duplas após 3 anos
10/06/2021 às 19h09

Herbert e Mahut salvaram três match-points na semifinal desta quinta-feira contra Cabal e Farah

Foto: Corinne Dubreuil/FFT

Paris (França) - A forte dupla francesa Nicolas Mahut e Pierre-Hugues Herbert está de volta à final de Roland Garros depois de três anos. Campeões do torneio em 2018, os donos da casa venceram a semifinal desta quinta-feira contra os colombianos Robert Farah e Juan Sebastian Cabal por 6/7 (2-7), 7/6 (7-2) e 6/4. Herbert e Mahut escaparam de três match-points na partida, já que Farah e Cabal chegaram a liderar o segundo set por 5/3.

Esta é a sexta vez que Herbert e Mahut jogam juntos em Roland Garros. Eles tentam ser a primeira dupla francesa a vencer o torneio duas vezes na Era Aberta. Outras duas parcerias da casa venceram o Grand Slam parisiense apenas uma vez, Henri Leconte e Yannick Noah foram campeões em 1984, enquanto Julien Benneteau e Edouard Roger-Vasselin conquistaram o título em 2014.

A parceria entre Herbert e Mahut também tem o raro Career Slam, já que venceram todos os principais torneios do circuito jogando juntos. A série começou pelo US Open de 2015 e continuou em Wimbledon no ano seguinte. Depois do título em Paris no ano de 2018, eles também conquistaram o Australian Open de 2019. Veterano de 39 anos, Mahut tem 31 títulos de duplas no circuito da ATP, enquanto Herbert tem 30 anos e já venceu 19 torneios.

Os adversários dos franceses na final de sábado serão os cazaques Alexander Bublik e Andrey Golubev, que derrotaram os espanhóis Pablo Andujar e Pedro Martinez por 1/6, 6/4 e 6/4. Os cazaques só haviam disputado três torneios juntos na temporada, ainda no início do ano, em Antalya e em Melbourne. Nenhum deles têm títulos de ATP nas duplas. Golubev está com 33 anos e já foi top 40 de simples, enquanto Bublik tem 23 anos e é o número 37 do mundo em simples.

Comentários