Notícias | Dia a dia | Roland Garros
Tsitsipas mostra firmeza e despacha Carreño em 3 sets
06/06/2021 às 12h13

Paris (França) - Um dos principais favoritos a chegar na final de Roland Garros, o grego Stefanos Tsitsipas deu mais um sinal de força neste domingo. Encarando um duro rival do porte do espanhol Pablo Carreño, o cabeça de chave número 5 conseguiu uma boa vitória em sets diretos, gastando 2h08 para anotar parciais de 6/3, 6/2 e 7/5.

Primeiro classificado em quadra para as quartas de final, já que o italiano Matteo Berrettini sequer irá precisar jogar, contando com a desistência do suíço Roger Federer, Tsitsipas espera agora pelo vencedor do duelo entre o russo Daniil Medvedev e o chileno Cristian Garin e precisa de mais um triunfo para igualar as semifinais de 2020.

Campeão em Monte Carlo em abril, seu primeiro troféu de Masters, além da final de Barcelona e dos títulos em Acapulco e Lyon, Tsitsipas é o tenista com mais vitórias na temporada no geral (37) e também no saibro (20). Com isso, lidera o ranking que conta somente pontos desde janeiro e vale como classificatório para o Finals de Turim.

Trabalho só no terceiro set
Tsitsipas teve bom desempenho com o primeiro serviço, vencendo 75% dos pontos, mas sofreu um pouco com a segunda bola, com aproveitamento de 59%, ainda assim superior aos 43% do espanhol. Ele também mostrou estar bem calibrado, conseguindo 41 winners e só 17 erros não forçados, contra 29 bolas vencedoras de Carreño e 32 erros não forçados.

Os dois primeiros sets da partida foram bem controlados pelo grego, que largou em ambos com quebras já no começo. Na primeira parcial ele venceu os três primeiros games e na segunda anotou sequência de quatro, com duas quebras de frente. Tsitsipas administrou muito bem a vantagem e escapou dos poucos break-points que enfrentou.

Já na terceira parcial a história foi diferente, com Carreño pulando na frente e abrindo 3/0. Só que o grego não se abalou e dominou após o 4/1, perdendo somente mais um game até o final. Ele devolveu o break de desvantagem no sétimo e no 11º anotou a quebra que definiria sua vitória na partida e a vaga nas quartas.

Comentários