Notícias | Dia a dia | Roland Garros
Swiatek vence com tranquilidade e terá bom teste
03/06/2021 às 15h32

A atual campeã agora enfrenta Anett Kontaveit, que venceu os dois duelos anteriores

Foto: FFT

Paris (França) - A caminhada de Iga Swiatek na tentativa de defender o título de Roland Garros teve um capitulo tranquilo nesta quinta-feira, pela segunda rodada do torneio. A número 9 do mundo precisou de apenas uma hora em quadra para marcar um duplo 6/1 contra a sueca Rebecca Peterson, 60ª do ranking. Swiatek, que não perdeu um set sequer na campanha vitoriosa do ano passado, havia estreado na segunda-feira superando a eslovena Kaja Juvan, sua melhor amiga no circuito, também em sets diretos.

O próximo compromisso de Swiatek em Paris será bem mais complicado. A polonesa enfrenta a estoniana Anett Kontaveit, 31ª do ranking e vencedora nos dois duelos anteriores entre elas. Kontaveit, de 25 anos, derrotou nesta quinta-feira a francesa Kristina Mladenovic por 6/2 e 6/0.

Vinda de título no WTA 1000 de Roma, Swiatek marca sua oitava vitória seguida no circuito. A jovem polonesa, que completou 20 anos na última segunda-feira, tem 21 vitórias e apenas cinco derrotas em 2021. Além da recente conquista no saibro italiano, ela também foi campeã em Adelaide no início da temporada.

Swiatek construiu sua vitória de forma bastante tranquila. A polonesa soube aproveitar muito bem sua grande variedade de recursos, especialmente nos ralis mais longos. Ela conseguia utilizar golpes diferentes a cada troca de bolas, além de utilizar slices e curtinhas com muita qualidade e sempre variando altura e velocidade da bola. Apesar de o primeiro set ter alguns games longos, a atual campeã conseguiu três quebras e escapou de dois break-points para abrir 5/0. Ela perdeu o saque quando teve a chance de fechar, mas definiu a parcial no game seguinte.

No segundo set, Swiatek sacou melhor. Seu aproveitamento de primeiro serviço em quadra subiu de 45% para 76% e ela cedeu apenas cinco pontos em seus games de serviço. Jogando com mais segurança, a polonesa não correu riscos e conseguiu duas novas quebras para conseguir a vitória. A atual campeã fez 22 a 7 em winners e terminou a partida com apenas 12 erros não-forçados contra 23 de Peterson.

Comentários