Notícias | Dia a dia | Roland Garros
Zverev tem trabalho, mas vence em sets diretos
02/06/2021 às 09h59

Paris (França) - Para superar a segunda rodada em Roland Garros, o alemão Alexander Zverev teve trabalho, mas conseguiu mesmo assim derrotar o russo Roman Safiulin em sets direto, precisando de dois tiebreaks para sacramentar a vitória com o placar final de 7/6 (7-4), 6/3 e 7/6 (7-1), depois de 2h31 de confronto.

O próximo desafio no caminho do cabeça de chave número 6 será o sérvio Laslo Djere, que teve que suar para avançar na competição, batendo o compatriota Miomir Kecmanovic depois de perder os dois primeiros sets, anotando parciais de 4/6, 4/6, 6/3, 6/2 e 6/3.

Zverev poderia ter vencido o primeiro set sem o tiebreak, mas foi quebrado ao sacar em 6/5 e só confirmou ao faturar o desempate. Na segunda parcial ele venceu cinco games seguidos saindo de 1/3 para fazer 2 a 0. O alemão voltou a ficar atrás no placar no terceiro set, desta vez encarando 1/4, mas novamente arrancou no final e selou a vitória em sets diretos.

Delbonis acaba com festa de Andujar

Responsável pela eliminação do austríaco Dominic Thiem logo na estreia, o espanhol Pablo Andujar não foi muito mais longe e parou na fase seguinte. Seu algoz foi o canhoto argentino Federico Delbonis, que vem de bons resultados no saibro europeu e venceu o duelo entre eles por 3 sets a 2, marcando parciais de 4/6, 6/1, 3/6, 6/3 e 6/2.

Na terceira rodada, Delbonis terá pela frente o vencedor da partida entre o italiano Fabio Fognini, cabeça de chave 27, e o húngaro Marton Fucsovics, que teve um bom começo de ano, mas depois não manteve a mesma consistência e só venceu três jogos na terra batida até então, já contando a estreia em Paris.

Ruud segue firme na disputa

Outro que assim como Delbonis teve bons resultados na preparação para Roland Garros, brilhando ainda mais que o argentino com título em Genebra e duas semifinais de Masters 1000, o norueguês Casper Ruud seguiu firme na competição, batendo nesta quarta-feira o polonês Kamil Majchrak com 6/3, 6/2 e 6/4.

Agora, o 15º pré-classificado pegará quem passar do confronto que de um lado tem o espanhol Alejandro Davidovich Fokina e do outro o holandês Botic van de Zandschlup, que na primeira rodada tirou o polonês Hubert Hurkacz, campeão de Miami e 19º favorito em Paris.

Comentários