Notícias | Dia a dia
Suíço de 18 anos estreia na ATP com duas vitórias
18/05/2021 às 14h16

Genebra (Suíça) - Um dos nomes promissores na nova geração, o suíço Dominic Stricker deu mostras do que pode fazer no futuro em sua primeira aparição em um torneio da ATP. Convidado da organização do ATP 250 de Genebra, o tenista de apenas 18 anos superou as estreias em simples e nas duplas nesta terça-feira.

O jovem suíço não teve moleza em seu primeiro jogo na competição e logo de cara teve que encarar o croata Marin Cilic, campeão do US Open em 2014. Stricker ignorou o histórico do adversário e triunfou em sets diretos, anotando parciais de 7/6 (7-5) e 6/1, em 1h18 de partida. Ele terá pela frente o húngaro Marton Fucsovics, que mais cedo bateu Henri Laaksonen com duplo 7/5.

+ Suíço de 18 anos conquista seu primeiro challenger
+ Stricker é campeão juvenil sob as bênçãos de Federer e Wawrinka
+ Jovem suíço diz que Federer é exemplo a ser seguido

Para completar seu primeiro dia competindo em nível ATP, Stricker também se deu bem nas duplas. Ao lado do compatriota Marc-Andrea Huesler, ele anotou placar final de 7/6 (7-3) e 6/1 sobre a parceria do francês Benoit Paire com o norte-americano Nicholas Monroe. Nas quartas os suíços podem encarar Marcelo Arevalo/Matwe Middelkoop ou John Peers/Michael Venus.

Veteranos superam a estreia em Genebra

Não foi apenas a juventude de Stricker que prevaleceu nesta terça em Genebra, pois alguns veteranos também superaram a estreia. Um deles é o espanhol Feliciano López, de 39 anos, que derrotou o alemão Daniel Altmaier por 2 sets a 0, com 7/6 (8-6) e 6/4, e terá pela frente outro alemão, Dominik Koepfer, algoz do francês Benoit Paire.

Cabeça de chave 5, o italiano Fabio Fognini foi outro tenista experiente que avançou na competição, derrubando o argentino Guido Pella com duplo 6/2. Na segunda rodada, ele medirá forças com o sérvio Laslo Djere, que derrotou o cearense Thiago Monteiro de virada.

Também seguiu adiante no torneio foi Pablo Cuevas, que encarou o potente saque do embalado norte-americano Reilly Opelka, vindo de semi no Masters 1000 de Roma, e levou a melhor em sets diretos, com placar final de 7/6 (7-5) e 6/2. Vindo do quali, o tenista de 35 anos e atual 102 do mundo vai encarar o francês Arthur Cazaux, de apenas 18, na próxima fase.

Comentários
Loja - camisetas
Torneio Teodózio