Notícias | Dia a dia
Feliz com boa atuação, Djokovic já pensa em Tsitsipas
13/05/2021 às 17h19

Djokovic lidera histórico contra Tsitsipas por 4 a 2, com duas vitórias no saibro

Foto: Corinne Dubreuil/ATP

Roma (Itália) - Satisfeito com o bom nível de atuação nesta quinta-feira, Novak Djokovic espera manter o embalo nas fases decisivas do Masters 1000 de Roma. O número 1 do mundo saiu de quadra feliz com o desempenho apresentado na vitória sobre o espanhol Alejandro Davidovich Fokina e já pensa no duelo das quartas contra o grego Stefanos Tsitsipas. O histórico de confrontos é favorável ao sérvio, que tem quatro vitórias e apenas duas derrotas contra o atual número 5 do mundo.

"Achei que eu joguei bem hoje. Ele fez um bom começo de jogo e quebrou meu saque no primeiro game. Cometi alguns erros, mas consegui quebrar de volta e assumir o controle do jogo, sendo consistente em quadra. Acho que do fundo da quadra eu fui um pouco mais sólido do que ele", disse Djokovic, após a tranquila vitória por 6/2 e 6/1 sobre Davidovich Fokina em 1h10 de partida.

"Ele cometeu alguns erros não forçados e faltas duplas em momentos importantes, o que obviamente me ajudou a conseguir a quebra necessária. Acho que joguei melhor, pelo menos 20% ou 30% melhor do que contra o Fritz alguns dias atrás. Estou no caminho certo e espero que amanhã seja ainda melhor", acrescentou o líder do ranking, que conquistou cinco quebras na partida e só perdeu um game de serviço.

"Minha próxima partida será contra um jogador do Top 10, então será uma batalha. Tsitsipas venceu o Masters 1000 de Monte Carlo, e obviamente vou dar o meu melhor para vencer essa partida", comentou o sérvio, que levou a melhor nas duas vezes que enfrentou Tsitsipas no saibro. "Tenho que estar ainda mais concentrado. Hoje eu cometi muitos erros com o forehand que possivelmente amanhã me custariam caro".

O veterano de 33 anos também espera adquirir confiança na reta final da temporada de saibro antes de Roland Garros. "Gostaria de fazer mais três jogos aqui. Acho que sempre fui consistente em Paris, apesar de ter vencido apenas um torneio lá, e o que preciso para chegar lá da melhor maneira possível é continuar competindo e melhorando meu nível de tênis".

Comentários
Loja - camisetas
Torneio Teodózio