Notícias | Dia a dia
Chardy: 'Fãs de Djoko não curtem os outros Big 3'
03/05/2021 às 15h21

Madri (Espanha) - Eliminado do Masters 1000 de Madri logo na estreia, nesta segunda-feira, superado pelo britânico Daniel Evans em batalha de 2h46 e três sets, com placar final de 7/6 (8-6), 6/7 (7-9) e 6/2, o francês Jeremy Chardy polemizou um pouco ao comparar as torcidas do Big 3 e afirmar que o sérvio Novak Djokovic não é compatível com o suíço Roger Federer e o espanhol Rafael Nadal.

“Acho que se alguém gosta de Roger ou Rafa, podem amar os dois ao mesmo tempo. No entanto, é muito mais difícil encontrar um torcedor de Djokovic que goste de Federer ou Nadal”, afirmou o francês de 34 anos e atual 51 do mundo em entrevista ao We Love Tennis. Chardy ainda defendeu o sérvio, garantindo que ele tem um tratamento midiático desfavorável.

“Não há dúvida de que Djokovic é um grande campeão, mas algumas de suas atitudes na quadra são especialmente destacadas e posso entender isso”, afirmou Chardy, que já cruzou com Djokovic 14 vezes e perdeu todas.

Contra os outros dois integrantes do Big 3, o francês tem muitos duelos a menos. Ele enfrentou Nadal apenas três vezes e perdeu todas, somando apenas 12 games nestas partidas. Já contra Federer ele tem cinco embates e conseguiu bater o suíço uma vez, no saibro de Roma em 2014, mas fui superado nos outros quatro encontros.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva