Notícias | Dia a dia
Treinador de Medvedev lamenta o tempo perdido
01/05/2021 às 17h57

Madri (Espanha) - Afastado do circuito nas últimas semanas, após testar positivo para o coronavírus às vésperas de sua participação no Masters 1000 de Monte Carlo, o russo Daniil Medvedev retornará na próxima semana no Masters 1000 de Madri. Em entrevista ao Tennis Majors, seu treinador Gilles Cervara fez um balanço do atual momento do número 3 do mundo.

“Neste momento, Daniil já treina há uma semana. Nos primeiros dias estivemos muito atentos para ver como o seu coração e os seus pulmões reagiam ao esforço, dando especial ênfase às suas sensações de saúde. Sabíamos que eram possíveis tonturas ou dificuldades nos exercícios, mas nosso objetivo era mais de ajustar o treinamento”, contou o técnico do russo.

“Você não se recupera da noite para o dia depois de contrair algo parecido com esse vírus, do qual não se sabe muito”, acrescentou Cervara, que lamentou o tempo perdido. “Você nota isso principalmente quando vê Stefanos Tsitsipas, que jogou 10 partidas e teve a confiança em alta ao vencer 9. E ele não é o único”, destacou o francês.

Cervara falou que o volume da perda que essa pausa causará é desconhecido e por isso quer seu cauteloso ao avaliar os próximos resultados de Medvedev. “Não devemos nos comparar com os demais e sim focar nos nossos objetivos”, opinou o técnico do terceiro colocado no ranking da ATP.

“Vamos jogar em Madrid e Roma, estes dois torneios vão revelar certas coisas que nos permitirão tomar decisões antes de Roland Garros. Daniil tem muito espaço para melhorar no saibro e nunca ganhou uma partida em Roland Garros. Já o vi fazer piadas sobre o assunto às vezes, o que é bom porque tira a pressão de nós, mas não sinto mais que devemos rir disso”, finalizou Cervara.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva