Notícias | Dia a dia
Pigossi vence e iguala o confronto na Polônia
16/04/2021 às 14h03

Aos 26 anos, Laura Pigossi venceu seu primeiro jogo de simples pela Copa Billie Jean King

Foto: Adam Nurkiewicz

Bytom (Polônia) - O primeiro dia de jogos entre Polônia e Brasil pelos playoffs da Copa Billie Jean King terminou com uma vitória para cada lado, na disputa em quadra dura e coberta na cidade de Bytom. O destaque da equipe brasileira ficou para a paulista Laura Pigossi, que venceu um jogo de simples na competição pela primeira vez na carreira. Pigossi, de 26 anos e 326ª do ranking, superou a polonesa Urszula Radwanska, ex-top 30 e atual 227ª colocada aos 30 anos, com parciais de 7/6 (11-9), 3/6 e 6/2 em 2h51 de partida.

Até então, Laura Pigossi só havia sido escalada para partidas de duplas pela competição, que antes se chamava Fed Cup e mudou de nome no ano passado. Seu histórico nas duplas é de três vitórias e três derrotas. A paulista que treina na Espanha foi escolhida pela capitã Roberta Burzagli como a principal jogadora de simples para o confronto por ter mais familiaridade e ritmo de jogo no piso duro nesta temporada, tendo conquistado dois títulos ne ITF em 2021.

O primeiro set da partida teve mais de uma hora de duração, com alguns altos e baixos. Pigossi começou melhor e fez 3/1, mas Urszula Radwanska (irmã mais nova da ex-número 2 do mundo Agnieszka Radwanska) devolveu a quebra e cresceu na partida depois de mostrar bom desempenho combinando o saque e o ataque com o forehand já na primeira bola, entrando mais na quadra. A polonesa chegou a liderar por 5/3 e sacou para o set, mas Pigossi conseguiu quebrar e forçar o tiebreak.

+ Capitã brasileira reconhece que a Polônia é favorita
+ Brasileiras consideram lenta a quadra na Polônia

No game desempate, Laura Pigossi começou muito melhor e abriu 6-1. Mas as condições mais lentas em Bytom faziam com que muitos ralis longos fossem disputados. Radwanska foi buscar o empate e chegou a ter dois set points, que a brasileira salvou com o saque. Pigossi reverteu a situação e fechou o set. Ela fez 10 winners e cometeu 27 erros não-forçados na parcial.

Radwanska foi superior no segundo set e conseguiu três quebras de serviço para empatar a partida, mas Pigossi retomou o domínio das ações na parcial decisiva. Logo de cara, ela conseguiu duas quebras, jogando de forma mais agressiva, e abriu 4/0. Cada vez mais agressiva nas devoluções, a polonesa conseguiu uma quebra em um game muito longo e que terminou com uma dupla-falta, mas Laura Pigossi não se intimidou e quebrou de volta. Sacando para o jogo, a brasileira definiu a vitória em seu segundo match point.

Carol Meligeni perde para anfitriã

Na abertura do confronto, a Polônia havia saído na frente. A anfitriã Magdalena Frech, 157ª do ranking, prevaleceu diante de Carolina Meligeni Alves, 342ª colocada, com parciais de 6/4 e 6/3. A primeira parcial foi mais equilibrada, com a polonesa aproveitando o único break point que teve, enquanto Carol chegou a abrir 2/0 no segundo set, mas permitiu três quebras de serviço para a jogadora da casa.

A rodada deste sábado começa às 7h (de Brasília) com Laura Pigossi enfrentando Magdalena Frech. Na sequência, será a vez de Carol Meligeni medir forças com Urszula Radwanska. Caso haja a necessidade de um quinto jogo nas duplas, o Brasil aposta na especialista Luisa Stefani ao lado de Gabriela Cé, enquanto a Polônia escala Paula Kania e Weronika Falkowska.

Confronto vale permanência na elite da competição
Os oito confrontos deste final de semana pela Copa Billie Jean King valem a permanência no qualificatório mundial de 2022. Já os países que perderem disputarão seus respectivos zonais continentais no ano que vem.


Bola Wilson Championship Pack com 3 Tubos: R$ 129,99

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva