Notícias | Dia a dia
Nadal: 'Serei vacinado quando tiver oportunidade'
14/04/2021 às 14h30

Monte Carlo (Mônaco) - Após sua primeira aparição desde o Australian Open, superando com propriedade a estreia no Masters 1000 de Monte Carlo, o espanhol Rafael Nadal foi questionado sobre a vacinação, tema que tem dividido o circuito. O canhoto de Mallorca foi direto ao ponto e defendeu com firmeza as vacinas como única forma de superarmos a pandemia da Covid-19.

“A vacinação é de interesse geral e para onde temos que ir, por isso é lógico que vou me vacinar. É a única saída deste pesadelo em que vivemos há um ano e com tantas vidas perdidas, a responsabilidade como o ser humano nos diz que devemos aceitar a vacina”, afirmou o espanhol, que pode retomar a vice-liderança do ranking nesta semana.

“Talvez haja um pequeno número de pessoas que sofrerão algum efeito colateral, mas em geral os efeitos do vírus são muito piores. Vou ser vacinado quando tiver oportunidade”, complementou Nadal, que após derrubar mais uma vez o freguês Federico Delbonis, terá pela frente outro rival contra quem tem um retrospecto bastante positivo: o búlgaro Grigor Dimitrov.

Nadal venceu 13 dos 14 duelos que teve com o búlgaro e levou a melhor nas cinco vezes que se cruzaram no saibro. Ainda assim, ele prega cautela para seu próximo obstáculo. Fizemos ótimas partidas, uma delas em Melbourne (2017). Ele é um grande jogador, vai ser um teste difícil para a minha segunda partida no saibro e preciso estar preparado para isso”, avaliou.

Ao comentar sobre seu desempenho na estreia em Monte Carlo, o espanhol comemorou sua solidez. “Foi um resultado muito positivo porque ele (Delbonis) é um bom jogador de saibro. É um começo positivo também, não incrível, mas foi bom. Acho que fiz o que tinha que fazer e estou muito feliz em termos gerais”, opinou Rafa.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva