Notícias | Dia a dia
Sinner: 'Grande resultado, mas tem mais um jogo'
02/04/2021 às 21h01

O promissor italiano sabe que o caminho é longo para se tornar um grande nome do circuito

Foto: Divulgação

Miami (EUA) - Apesar da comemoração pela vaga na final do Masters 1000 de Miami, Jannik Sinner saiu de quadra nesta sexta-feira bastante consciente de que ainda precisa vencer mais uma partida para conseguir o título mais importante da carreira. O jovem italiano de 19 anos e vencedor de dois ATP 250 superou o número 12 do mundo Roberto Bautista Agut na semifinal. Ele volta a atuar no próximo domingo, contra o vencedor do jogo entre o russo Andrey Rublev e o polonês Hubert Hurkacz.

"É um ótimo resultado aqui, mas tenho mais uma batalha pela frente. Eu me senti bem nas quadras daqui desde o início do torneio", disse Sinner após a vitória de virada por 5/7, 6/4 e 6/4 em 2h28 de partida. "Obviamente é muito bom fazer parte desta final, mas o foco é tentar melhorar a cada dia. Isso vale para meus próximos anos e esse ainda é o objetivo principal. Estou apenas tentando treinar dia após dia com a mentalidade certa. Então, veremos nos próximos meses ou anos o que está por vir".

+ Sinner vira o jogo e disputa 1ª final de Masters 1000
+ Bublik elogia Sinner e compara o italiano a um robô

Finalista mais jovem em Miami desde Rafael Nadal em 2005, Sinner é apenas o quarto jogador com menos de 20 anos a chegar à final do torneio em 36 edições. O italiano tem também a companhia de Andre Agassi e Novak Djokovic, campeões em 1990 e 2007. "Juntar-se a eles é ótimo, mas, como sempre digo, tenho só 19 anos. O caminho para ter se tornar um grande nome é longo. Não basta ir bem em uma semana de torneio. É um longo processo para chegar lá. Acho bom jogar a final aqui em Miami, mas não significa nada, e nem que eu vou ganhar outros torneios. A estrada é longa. Eu sei isso e minha equipe também sabe".

Esta foi segunda vitória consecutiva de Sinner contra Bautista Agut, repetindo o que havia acontecido há duas semanas pelo ATP 500 de Dubai. "É sempre difícil jogar contra o Roberto. Há duas semanas tivemos uma batalha em Dubai. E agora foi mais um jogo difícil aqui. Estou muito feliz por ter vencido", afirma o jovem italiano, atual 31º do ranking. "Tentei jogar o meu jogo. Apenas isso. Tentei movê-lo um pouco. Ele é um adversário muito sólido".

Sinner também acredita que reverter um 0-40 no sétimo game do segundo set, quando o placar estava empatado por 3/3, foi fundamental para a vitória. Além disso, ele também perdia o último set por 3/1 e conseguiu virar. "Se você está com 0-40 abaixo, tem que continuar lutando. Acho que obviamente aquele game me ajudou um pouco na partida. Foi parecido com o jogo do Hurkacz contra o Tsitsipas. Alguns pontos podem decidir a partida e às vezes podem te dar um pouco mais de força. Acho que foi importante vencer aquele game".

Comentários
Loja - camisetas
Arena BTG