Notícias | Dia a dia
Rublev vence a 20ª no ano e alcança semi inédita
01/04/2021 às 23h34

Rublev venceu 20 dos 23 jogos que disputou neste início de temporada

Foto: Mike Lawrence/ATP

Miami (EUA) - Em franca evolução no circuito profissional, com cinco títulos na temporada passada, o russo Andrey Rublev alcança sua primeira semifinal de Masters 1000. O jogador de 23 anos e número 8 do mundo avançou em Miami depois de superar o norte-americano Sebastian Korda, jovem de 20 anos e 87º do ranking, por 7/5 e 7/6 (9-7) em 1h43 de partida. Esta foi a 20ª vitória de Rublev em 23 jogos na temporada. Ele já foi campeão em Roterdã neste início de ano.

Até então, a melhor campanha de Rublev em um Masters 1000 havia sido até as quartas de final em Cincinnati no ano de 2019. Em Miami, ele faz sua sexta participação e nunca havia sequer atingido as oitavas de final do torneio. Vencedor de oito torneios da ATP, o russo busca sua 11ª final na carreira.

O adversário de Rublev na semifinal será o polonês Hubert Hurkacz, jogador de 24 anos e 37º do ranking. Hurkacz levou a melhor no único duelo anterior contra o russo, disputado no saibro de Roma no ano passado. O polonês também faz a melhor campanha da carreira em um Masters 1000 e vem de vitória expressiva sobre Stefanos Tsitsipas.

Já o eliminado Korda encerra sua segunda participação em um Masters 1000 já com um grande resultado. Filho do ex-número 2 do mundo Petr Korda, o jovem norte-americano tem obtido bons resultados desde o segundo semestre do ano passado, tendo vencido dois challengers, disputado a final do ATP 250 de Delray Beach e alcançado as oitavas de final de Roland Garros. Em Miami, superou nomes como Fabio Fognini, Aslan Karatsev e Diego Schwartzman. Com isso, deverá ter o melhor ranking da carreira, por volta do 65º lugar.

Jogo começou com atraso e teve duas pausas por chuva
A partida entre Rublev e Korda começou com mais de uma hora de atraso por conta da chuva. Além disso, o duelo ainda teve duas interrupções. A primeira foi quando o set inicial estava 3/2 para o russo, ainda sem quebras. Eles voltaram à quadra, concluíram o game com a confirmação de serviço do norte-americano, e saíram de novo porque voltou a chover.

Rublev era o jogador que vinha confirmando os serviços com mais tranquilidade e também foi o primeiro a quebrar, chegando a liderar o set inicial por 5/3. Sacando para o set, o russo sofreu sua primeira quebra de serviço no torneio, em um momento de ótimas devoluções do rival. Apesar de Korda ser o jogador mais agressivo em quadra, marcando 12 winners contra 3 do russo no primeiro set, os erros não-forçados custaram caro e ele permitiu outra quebra a Rublev no fim da parcial. O russo cometeu apenas 10 erros no set contra 18 do norte-americano.

O segundo set também começou com domínio dos sacadores e Rublev novamente foi o primeiro a quebrar. O russo venceu três games seguidos e e liderou por 5/2, parecendo encaminhar a vitória. Korda pediu um atendimento médico fora da quadra, para tratar de dores no adutor da coxa esquerda. Na volta, mesmo com a mobilidade reduzida confirmou o serviço com dificuldade, mas logo depois ele quebrou o saque de Rublev. Na sequência, o norte-americano encaixou um bom game de saque e empatou o set.

Korda começou mais eficiente nas devoluções durante o tiebreak. Ele abriu 4-2, e posteriormente 5-3, mas Rublev venceu três pontos seguidos e reverteu para 6-5. O norte-americano chegou a salvar dois match points, mas depois fez uma dupla-falta e Rublev definiu a partida com um ace.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva