Notícias | Dia a dia
Sakkari encerra invencibilidade de Osaka e faz semi
31/03/2021 às 15h28

Sakkari acabou com uma série de 23 vitórias consecutivas da japonesa

Foto: Divulgação

Miami (EUA) - Depois de escapar de seis match points nas oitavas de final do WTA 1000 de Miami, a grega Maria Sakkari marcou uma das vitórias mais expressivas de sua carreira. A atual 25ª do ranking superou a japonesa Naomi Osaka, número 2 do mundo, ao marcar as parciais de 6/0 e 6/4 em 1h09 de partida. Foi a segunda vitória de Sakkari em cinco jogos contra Osaka no circuito e a 12ª diante de uma top 10 na carreira.

Sakkari está com 25 anos e tem apenas um título de WTA, conquistado na temporada 2019 em Rabat. A grega pode alcançar sua terceira final da carreira e espera pela vencedora entre a canadense Bianca Andreescu e a espanhola Sara Sorribes. Ambas seriam adversárias inéditas em sua carreira profissional.

A eliminação nas quartas em Miami acaba com uma invencibilidade de 23 jogos de Naomi Osaka. A japonesa não perdia um jogo desde o dia 7 de fevereiro do ano passado, quando perdeu para Sorribes pela Fed Cup. Nesse intervalo, houve dois casos de W.O. por motivo de lesão, mas como os jogos não aconteceram, não afetavam a série invicta. De quebra, o resultado beneficia a atual número 1 do mundo, a australiana Ashleigh Barty, que tinha a liderança ameaçada no torneio. Ela agora não pode mais ser ultrapassada nesta semana.

Grega conquistou cinco quebras e teve 15 break points
O começo de partida foi desastroso para Osaka. Em seus games de serviço no set inicial, a japonesa disputou 20 pontos e venceu apenas seis. Ela colocou apenas 35% de primeiros serviços em quadra e venceu apenas três dos 13 pontos jogados com seu segundo serviço. Além de estar muito vulnerável em seu saque, a japonesa também não oferecia resistência nas devoluções ou nas trocas de fundo. Sakkari também fez 6 a 0 em winners, cometeu apenas quatro erros não-forçados contra 12 e cedeu somente dois pontos em seus games de serviço na rápida parcial, que teve só 21 minutos de duração.

Logo na abertura do segundo set, Osaka escapou de três break points e saiu do zero no placar. Na sequência, conseguiu quebrar o saque de Sakkari pela primeira vez e ainda fez 3/0, salvando outros três break points. A japonesa, então, finalmente teve um game de saque mais tranquilo para abrir 4/1, mas voltaria a ser ameaçada pouco depois. Sakkari devolveu a quebra e diminuiu a diferença para 4/3. Já no oitavo game, a grega escapou de um break point forçando um segundo serviço no meio da quadra para empatar o set.

Osaka seguia com dificuldades para colocar o primeiro serviço em quadra, tendo aproveitamento de apenas 44% no segundo set. Ela chegou a contar com alguns erros da grega nas devoluções, mas voltaria a ter o serviço quebrado depois ter um 40-0, e sofrer um lob, fazer três erros e uma dupla falta. Sakkari aproveitou o bom momento e definiu a partida no saque, tendo vencido cinco games seguidos. A grega liderou a estatística de winners por 22 a 5 e cometeu 22 erros não-forçados contra 23 de Osaka.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva