Notícias | Dia a dia
Ruusuvuori surpreende e elimina Zverev na estreia
26/03/2021 às 20h39

Aos 21 anos, Emil Ruusuvuori marcou sua segunda vitória contra top 10 no circuito

Foto: Divulgação

Miami (EUA) - O jovem finlandês de 21 anos Emil Ruusuvuori marcou uma expressiva vitória nesta sexta-feira e garantiu lugar na terceira fase do Masters 1000 de Miami. Atual 83º do ranking, Ruusuvuori foi o responsável por eliminar o número 7 do mundo Alexander Zverev, que estreava no torneio, com parciais de 1/6, 6/3 e 6/1 em 2h04 de partida.

Esta já é a segunda vitória contra top 10 na carreira de Ruusuvuori, que havia vencido Dominic Thiem pela Copa Davis em 2019. O finlandês foi um juvenil de destaque em 2017, ano em que venceu o ITF Junior Masters, e deu um salto na carreira profissional há dois anos, quando ganhou quatro títulos de challenger. Sua chegada ao top 100 aconteceu em agosto da última temporada.

Ruusuvuori está com o melhor ranking da carreira, depois de ter furado o quali do ATP 500 de Dubai e ainda vencido um jogo na chave principal. A vitória desta sexta-feira foi apenas sua terceira em Masters 1000. Ele estreou em Miami superando o convidado espanhol de 17 anos Carlos Alcaraz. Seu próximo adversário será o sueco Mikael Ymer, que venceu o georgiano Nikoloz Basilashvili por 6/3, 4/6 e 6/4.

Já Zverev vinha do título do ATP 500 de Acapulco no último sábado e jogou com uma bandagem no braço direito. O alemão teve altos e baixos com seu saque, ao disparar 11 aces, mas cometer sete duplas faltas. Ele fez 20 winners e 40 erros não-forçados, enquanto Ruusuvuori não fez nenhum ace, anotou 23 bolas vencedoras e cometeu 36 erros, com cinco duplas faltas.

O primeiro set foi muito tranquilo para Zverev, que conseguiu duas quebras seguidas para abrir 4/0 e não enfrentou break points, cedendo apenas seis pontos em seus games de serviço. Mas logo na abertura da parcial seguinte, o alemão teve que escapar de um 15-40, enquanto Ruusuvuori confirmou de zero. O finlandês passou a pressionar mais o segundo serviço do alemão e conseguiu duas quebras para abrir 5/2. Zverev até diminiu a vantagem, mas voltaria a perder o saque no game seguinte. Na parcial, Zverev cometeu 19 erros não-forçados e venceu só cinco dos 16 pontos jogados no segundo saque.

O set decisivo foi amplamente dominado por Ruusuvuori, que vinha muito firme no saque e tinha o controle das ações do fundo de quadra. O finlandês não enfrentou break points, cedeu apenas cinco pontos em seus games de serviço e conseguiu duas novas quebras para fazer cinco games seguidos e fechar o jogo. Mais uma vez, Zverev sofreu com o segundo saque, vencendo apenas dois pontos em oito possíveis.

Comentários
Loja - camisetas
Arena BTG