Notícias | Dia a dia
Meligeni sobe no ranking e atinge sua melhor marca
22/03/2021 às 09h14

Miami (EUA) - Depois de chegar na semifinal do challenger de Santiago e precisar abandonar a partida no meio por causa de uma lesão na lombar, o paulista Felipe Meligeni conseguiu uma boa subida no ranking desta segunda-feira. Ele ganhou oito colocações e agora é o 227º do mundo, a melhor marca da carreira até então.

Meligeni chegou a entrar no quali do Masters 1000 de Miami, mas preferiu não competir por lá e vai focar seus esforços nos challengers no saibro europeu, jogando em Marbella na semana que vem. A chance de entrar no qualificatório de Roland Garros aumentou muito e ele precisará manter a posição atual até 12 de abril. O campineiro já é o quarto melhor do Brasil no ranking da ATP.

À frente dele estão apenas o cearense Thiago Monteiro, único no top 100, que perdeu uma colocação e foi para o 76º posto, o paranaense Thiago Wild, que também caiu um lugar e agora é o 125º, e o mineiro João Menezes, que se manteve na 201ª posição. Wild e Menezes tentam a sorte no quali de Miami a partir desta segunda.

Mais dois brasileiros fecham a lista dos que figuram no top 300. O gaúcho Guilherme Clezar é o 284º, uma posição pior do que na semana passada, e o paulista Pedro Sakamoto é o 298º, duas colocações abaixo da última. Ex-top 30, o paulista Thomaz Bellucci vem logo atrás, na 303ª posição, a mesma que ocupava sete dias atrás.

A atualização do ranking também foi positiva para Matheus Pucinelli, que recebeu os 10 pontos na ATP pelo título de um ITF M15 em Antalya, na Turquia, há oito dias. Com isso, o jovem paulista de 19 anos saltou 55 posições no ranking e assumiu o inédito 620º lugar. Na semana que vem, ele tem mais seis pontos a receber por um vice-campeonato em outro ITF M15 na Turquia, encerrado no último domingo.


Lacoste Novak Djokovic's Capsule Collection
Óculos de sol retangulares não polarizados, azul fosco/branco: R$ 690

Comentários
Loja - camisetas
Torneio Teodózio