Notícias | Dia a dia
Zverev: 'Miami este ano será terra de oportunidades'
21/03/2021 às 14h23

Acapulco (México) - Campeão do ATP 500 de Acapulco pela primeira vez, o alemão Alexander Zverev ergueu no torneio mexicano seu 14º troféu. Após a grande vitória na final sobre o grego Stefanos Tsitsipas, o atual número 7 do mundo analisou o desempenho nessa partida e disse que pretende curtir alguns instantes de comemoração pela conquista antes de focar no Masters 1000 de Miami.

“Neste momento acabei de jogar esta final e a única coisa que sinto é a felicidade pelo título. É bom ter pelo menos uns cinco minutos de felicidade sem pensar em mais nada”, falou o alemão, que em quatro aparições em Acapulco fez três semifinais, teve um vice em 2019 contra o australiano Nick Kygrios e agora pode enfim comemorar o título.

Só que Zverev sabe também que não pode deitar sobre os louros da vitória por muito tempo e já pensa no próximo torneio. “Miami este ano será uma terra de oportunidades para muitos jogadores devido às estranhas circunstâncias do torneio, mas a chave continuará repleta de grandes jogadores, como Tsitsipas”, observou o sétimo colocado no ranking da ATP.

Acho que serei o cabeça de chave número 3, só que mesmo assim terei de vencer alguns bons jogadores se quiser ir longe. O fato de o Big 3 não estar presente não significa que será fácil para qualquer um dos outros jogadores lá”, complementou o germânico.

Sobra a vitória na final, Zverev lamentou o ritmo lento no começo, mas festejou sua recuperação na partida. O início foi muito ruim para mim, não estava bem e a única coisa que pude fazer foi seguir lutando para entrar no jogo. Precisava encontrar meu ritmo, Stefanos estava jogando de forma diferente dos demais rivais que encarei ao longo da semana”, avaliou o alemão.

“Por sorte consegui faturar o primeiro set e isso me deu confiança para o segundo, mas você sabe o que acontece quando se enfrenta os melhores jogadores do mundo. Se perder uma oportunidade provavelmente não terá uma segunda. No tiebreak acho que consegui jogar muito bem e isso me deixa muito feliz”, complementou Zverev.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva