Notícias | Dia a dia
Meligeni supera argentino e chega à semi no Chile
19/03/2021 às 15h17

Meligeni tenta alcançar a segunda final de challenger da carreira

Foto: KIA Chile/Fotografia Deportiva

Santiago (Chile) - O bom momento de Felipe Meligeni no circuito continua nesta semana durante o challenger de Santiago. Único entre os seis brasileiros no torneio a ter passado pela estreia, o paulista de 23 anos e 235º do ranking marcou sua terceira vitória seguida no torneio. Ele superou nesta sexta-feira o argentino Nicolas Kicker por 6/1 e 7/5.

Meligeni tem um título de challenger de simples, conquistado no fim do ano passado em São Paulo. Ele também foi semifinalista em Campinas na última temporada. Em duplas, conquistou recentemente seu primeiro ATP 250, no saibro de Córdoba, ao lado do gaúcho Rafael Matos. A parceria entre Matos e Meligeni também está na final de duplas do challenger chileno.

A campanha até a semifinal rende 29 pontos no ranking e aproxima o paulista do 220º lugar. Ele tem apenas quatro pontos a descartar, referentes ao seu 19º e último resultado válido para o ranking. O torneio chileno vale 80 pontos na ATP e pode aproximá-lo do top 200. Meligeni está a uma desistência de entrar no quali para o Masters 1000 de Miami e a boa fase também deve aproximá-lo do quali de Roland Garros em maio.

O próximo adversário de Meligeni será Marcelo Barrios, 263º do ranking, que ganhou apertado o duelo chileno diante de Gonzalo Lama, com parciais de 7/6 (7-4) e 7/6 (7-5). O adversário é inédito para o paulista de Campinas.

Paulista dominou o primeiro set

Durante o primeiro set, Meligeni conseguiu três quebras e cedeu apenas seis pontos em seus games de serviço, sem enfrentar nenhum break point. A parcial seguinte foi mais equilibrada e seguiu com domínio dos sacadores até o empate por 3/3. Houve, então uma sequência de quebras, cinco seguidas. O paulista perdeu um match point e foi quebrado quando vencia por 5/4 e sacava para o jogo, mas retomou a vantagem no game seguinte e definiu a vitória em seu serviço.

Rival está voltando de três anos de suspensão
Kicker já foi número 78 do mundo em 2017, mas está atualmente apenas no 972º lugar do ranking. O argentino cumpriu três anos de suspensão, imposta pela Tennis Integrity Unit, por participação em esquemas de manipulação de resultados. Autorizado a voltar a jogar no início da temporada, o jogador de 28 anos ganhou convite para o ATP de Córdoba e depois disputou qualis em Buenos Aires e Santiago nas últimas semanas.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva