Notícias | Dia a dia
Zvonareva luta por 3h10 para chegar às quartas
17/03/2021 às 16h09

Zvonareva tenta alcançar sua primeira final desde 2011 no circuito

Foto: Formula TX

São Petersburgo (Rússia) - A veterana russa Vera Zvonareva precisou lutar por 3h10 nesta quarta-feira para garantir um lugar nas quartas de final do WTA 500 de São Petersburgo, disputado em quadras duras e cobertas. A anfitriã de 36 anos superou a francesa Fiona Ferro, cabeça 3 do torneio e 43ª do ranking, com parciais de 6/7 (6-8), 7/5 e 7/6 (7-2).

Zvonareva já foi número 2 do mundo em 2010, ano em que disputou as finais de Wimbledon e do US Open. A russa começou a sofrer com lesões em meados da década passada e decidiu fazer uma pausa na carreira. Ela se tornou mãe da pequena Evelyn, em 2016, e voltou a jogar no ano seguinte.

Depois de escalar bastante o ranking e recuperar posições, chegando a ser 76ª do mundo em 2019, Zvonareva sofreu uma lesão no punho esquerdo. Ela, então ficou sem jogar desde a eliminação na primeira rodada de Roland Garros de 2019 até fevereiro do ano passado. Atualmente, ocupa o 145º lugar em simples e a 38ª posição nas duplas. Ano passado, ela foi campeã de duplas do US Open ao lado da alemã Laura Siegemund.

Vencedora de 12 títulos da WTA em simples, Zvonareva não disputa uma final desde 2011 em Tóquio. Seu título mais recente também foi há dez anos, em Baku. Sua semifinal mais recente aconteceu justamente em São Petersburgo, no ano de 2019. Nessa segunda fase da carreira, ela também parou na penúltima rodada em Shenzhen em janeiro do mesmo ano, e também em Tashkent em 2017.

Rodada teve mais uma batalha de 3h
A rodada desta quarta-feira teve mais uma partida de 3h. A russa de 21 anos e vinda do quali Anastasia Gasanova, 241ª do ranking, venceu a ucraniana Katarina Zavatska por 6/2, 6/7 (6-8) e 7/5. Gasanova terá um duelo russo contra a experiente Anastasia Pavlyuchenkova, ex-top 20 e atual 45ª colocada aos 29 anos. Quem vencer esse jogo vai enfrentar Zvonareva nas quartas de final.

Outra veterana russa nas quartas de final é Svetlana Kuznetsova, 39ª do ranking e também ex-número 2 do mundo. Ela venceu um duelo de gerações contra a canhota chinesa Xinyu Wang, 159ª colocada, por 6/1 e 7/5. Kuznetsova pode enfrentar a letã Jelena Ostapenko ou a romena Jaqueline Cristian.

Comentários
Loja - camisetas
Torneio Teodózio