Notícias | Dia a dia
'De algum jeito superei o estresse', diz Basilashvili
13/03/2021 às 17h48

Doha (Qatar) - Com problemas fora da quadra, o georgiano Nikoloz Basilashvili chegou a Doha com apenas duas vitórias em seus últimos 16 jogos. Assim, causou surpresa por sua campanha e pelo título deste sábado em cima do espanhol Roberto Bautista.

"De alguma forma, achei um jeito de jogar bem em condições difíceis e jogos muito duros", avaliou o georgiano, que chegou ao quarto troféu de ATP em seis finais na carreira. "Este foi um dos ATP 250 mais fortes que já vi, com três top 10 na chave. É curioso e surpreendente que eu jogue tão bem nos torneios difíceis".

Basilashvili admitiu que não esperava uma sequência tão incrível de vitórias, que incluiu eliminar Roger Federer com um match-point contra nas quartas de final. "Foi inesperado, mas eu tenho trabalhado muito para isso. Joguei com muita tensão nos últimos seis meses, não estava conseguindo chegar a 100% em qualquer partida. Nesta semana, de algum jeito superei o estresse". Em meio à pandemia, Basilashvili foi acusado de agressão pela ex-esposa e hoje responde a um processo por isso. Ele nega as alegações.

O vento forte ao longo de toda a partida final foi outro drama. "Hoje estava realmente forte, mas me foquei o tempo todo, desde o começo. Aceitei que a situação seria aquela e tentei olhar o máximo para a bola e me mexer bem. Fisicamente, foi bem cansativo".

O vice Bautista, que vinha de vitórias consecutivas sobre Dominic Thiem e Andrey Rublev, admitiu a superioridade do georgiano. "Não gosto de perder e certamente poderia ter jogado melhor, mas era o dia dele. Ele jogou muito bem, foi muito agressivo".

Os dois seguem imediatamente para Dubai, onde entrarão na segunda rodada do ATP 500.

Comentários
Loja - camisetas
Arena BTG