Notícias | Dia a dia
Vinda do quali, promessa italiana alcança 1ª semi de WTA
11/03/2021 às 23h35

Elisabetta Cocciaretto já venceu cinco seguidas no Guadalajara, inclusive a cabeça 1 Nadia Podoroska

Foto: Divulgação

* Atualizado às 23h35 após a vitória de Eugenie Bouchard.

Guadalajara (México) - A nova geração do tênis italiano começa a mostrar força também no circuito feminino. A jovem de 20 anos Elisabetta Cocciaretto continua surpreendendo no WTA 250 de Guadalajara e garantiu um lugar na semifinal do torneio em quadras de piso duro. Vinda do qualificatório, Cocciaretto superou nesta quinta-feira a norte-americana Lauren Davis por 6/3 e 6/0 em apenas 1h11 de partida.

A vitória sobre Davis, que foi top 30 em 2017 e atualmente aparece no 83º lugar do ranking, foi a quinta seguida para Cocciaretto em Guadalajara. O triunfo mais expressivo havia sido conquistado na última quarta-feira, quando ela venceu a argentina Nadia Podoroska, semifinalista de Roland Garros, 46ª do ranking, e principal cabeça de chave do torneio.

Ex-número 12 do ranking mundial juvenil e semifinalista do Australian Open na categoria em 2018, Cocciaretto é apenas a 134ª colocada no ranking profissional e tem como melhor marca da carreira a 126ª posição. No ano passado, ela chegou às quartas no WTA de Palermo e foi finalista de um torneio da série 125k em Praga. Já no início deste ano, furou o quali do Australian Open. A italiana já tem quatro títulos em torneios profissionais da ITF entre W15 e W60.

A campanha até a semifinal em Guadalajara já está rendendo 128 pontos para Cocciaretto. São 18 pelas duas vitórias do quali e mais 110 pelos três triunfos na chave principal. Com isso, a italiana certamente terá o melhor ranking da carreira, por volta da 112ª posição. Se for finalista, fará mais 70 pontos e fica muito perto de entrar no top 100.

Duelo com Bouchard na semifinal
A adversária de Cocciaretto na semifinal será a canadense Eugenie Bouchard, que venceu a jovem norte-americana de 19 anos Caty McNally por 6/4 e 6/3. Bouchard já foi número 5 do mundo em 2014, ano em que foi finalista de Wimbledon, e ocupa atualmente o 144º lugar aos 27 anos. A canadense disputou recentemente uma final de WTA em Istambul e vem de um vice-campeonato de duplas em Lyon no último domingo. 

Quem já está na semi é a espanhola Sara Sorribes, cabeça 4 do torneio e número 71 do mundo. A jogadora de 24 anos já disputou duas finais no circuito, mas ainda busca um título inédito. Ela venceu nesta quinta-feira a australiana Astra Sharma por duplo 6/3. Sua próxima rival pode ser a tcheca Marie Bouzkova, segunda favorita e número 50 do mundo, ou a eslovaca Anna Karolina Schmiedlova.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva