Notícias | Dia a dia
Vindo do quali, Fucsovics desafia Rublev na final
06/03/2021 às 17h50

Aos 29 anos, Fucsovics disputa sua terceira final no circuito e busca o maior título da carreira

Foto: Divulgação

Roterdã (Holanda) - Com uma campanha impressionante, o húngaro Marton Fucsovics garantiu vaga na final do ATP 500 de Roterdã. Vindo do qualificatório no torneio em quadras duras e cobertas, o experiente jogador de 29 anos e 59º do ranking conquistou sua sexta vitória seguida ao vencer neste sábado o croata Borna Coric, 26º colocado, por 6/4 e 6/1.

Fucsovics foi apontado com uma grande promessa do circuito desde que liderou o ranking mundial juvenil em 2010, mas teve um longo caminho até se firmar na elite do tênis. Ele só chegaria ao top 100 em 2017 e venceu seu único título de ATP no saibro de Genebra em 2018. Já o melhor ranking de sua carreira foi o 31º lugar, alcançado em março de 2019.

A campanha até a final em Roterdã rende 320 pontos a Fucsovics. São 20 pelas duas vitórias no quali sobre os franceses Arthur Rinderknech e Pierre-Hugues Herbert e na chave principal garantiu 300 pontos ao vencer os norte-americanos Reilly Opelka e Tommy Paul, além do espanhol Alejandro Davidovich Fokina antes do duelo com Coric.

Com os resultados de momento, Fucsovics está voltando ao top 50 e assumindo o 46º lugar. Se for campeão, fará mais 200 pontos e voltará ao top 40. No entanto, ele terá a missão de parar Andrey Rublev, jovem russo de 23 anos e número 8 do mundo. Rublev venceu cinco títulos no ano passado e defende uma invencibilidade de 19 jogos em torneios ATP 500.

A final de Roterdã será às 11h30 (de Brasília) deste domingo. Pela elite do circuito, Rublev e Fucsovics já se enfrentaram duas vezes. O húngaro levou a melhor na Copa Davis de 2017 e o russo deu troco nas oitavas de Roland Garros no ano passado. Houve ainda um encontro no quali de Barcelona em 2016, com vitória de Fucsovics. O jogador de 29 anos só venceu um jogo contra top 10 na carreira.

 

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva