Notícias | Dia a dia
Bicampeã, Svitolina lidera o WTA 1000 de Dubai
06/03/2021 às 10h16

A ucraniana venceu as edições de 2017 e 2018 do torneio nos Emirados Árabes

Foto: Divulgação

Dubai (Emirados Árabes) - Bicampeã do WTA 1000 de Dubai nos anos de 2017 e 2018, Elina Svitolina lutará por mais um título nos Emirados Árabes. A número 5 do mundo será a principal cabeça de chave do torneio que acontece na próxima semana. A tcheca Karolina Pliskova, sexta do ranking, será a segunda favorita.

A estreia de Svitolina será contra a vencedora da partida entre a chinesa Qiang Wang e a russa Svetlana Kuznetsova. A adversária mais cotada para as oitavas é a grega Maria Sakkari, cabeça 16, mas nomes como Jelena Ostapenko ou Barbora Krejcikova podem surpreender. Já para as quartas, há chance de confronto contra a campeã de 2019 Belinda Bencic (sexta favorita) ou com a norte-americana Madison Keys.

+ Atual campeã, Halep não defenderá o título em Dubai
+ Fora de Doha, Barty também não joga em Dubai

Ainda na parte de cima da chave, Petra Kvitova é cabeça 4 do torneio. A canhota tcheca espera pela vencedora entre a espanhola Paula Badosa e a suíça Jil Teichmann. Kvitova pode enfrentar a cazaque Elena Rybakina, finalista no ano passado, nas oitavas de final. Já nas quartas, ela pode cruzar o caminho de nomes como Kiki Bertens, Marketa Vondrousova ou a promessa de 16 anos Coco Gauff.

Pliskova pode rever última algoz
Do outro lado do quadro, Karolina Pliskova aguarda o jogo entre a letã Anastasija Sevastova e norte-americana Bernarda Pera. Nas oitavas, ela pode se reencontrar a norte-americana Jessica Pegula, para quem perdeu em Doha, além de nomes como Kristina Mladenovic ou Petra Martic. No mesmo quadrante está Victoria Azarenka, que espera por Angelique Kerber ou Caroline Garcia, além de bons nomes como Elise Mertens, Fiona Ferro e Shelby Rogers.

A bielorrussa Aryna Sabalenka e a polonesa Iga Swiatek lideram outro bom quadrante. A estreia de Sabalenka será contra a ex-top 10 russa Daria Kasatkina ou a experiente francesa Alize Cornet, com a estoniana Anett Kontaveit podendo pintar nas oitavas. Já Swiatek espera pela vencedora entre uma jogadora vinda do quali ou a eslovena Polona Hercog e pode enfrentar a espanhola Garbiñe Muguruza nas oitavas.

Torneio não é obrigatório e terá alguns desfalques
Apesar de ser um WTA 1000, o torneio de Dubai oferece apenas 900 no ranking para a campeã, já que a participação no evento não é obrigatória para as principais jogadoras. Naomi Osaka e Serena Williams, por exemplo, não se inscreveram para o torneio nos Emirados Árabes. Também desfalcam o evento a número 1 do mundo Ashleigh Barty e a atual campeã Simona Halep, que desistiram por lesões.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva