Notícias | Dia a dia
Popyrin brilha em sua primeira final e fatura título
28/02/2021 às 08h55

Cingapura (Cingapura) - Responsável pela eliminação do croata Marin Cilic nas semifinais do ATP 250 de Cingapura, o jovem australiano Alexei Popyrin triunfou em sua primeira final da carreira. Neste domingo ele saiu perdendo para o cazaque Alexander Bublik, mas se recuperou e conquistou o título anotando parciais de 4/6, 6/0 e 6/2, em 1h24 de partida.

“É inacreditável, fruto de muito sacrifício, muita dedicação e muito trabalho árduo meu e também da minha equipe e de toda a minha família. Eu fiz isso por todos os envolvidos e estou tão orgulhoso”, comemorou o australiano de 21 anos, que até essa semana nunca tinha sequer passado das quartas de final de um ATP.

Com a campanha em Cingapura, ele não apenas levará para casa uma premiação de US$ 24.770, mas também 250 pontos no ranking que o farão subir 32 colocações e alcançar a melhor marca da carreira, assumindo a 82ª posição na próxima segunda-feira. Já o vice Bublik faturou US$ 18.310 e 150 pontos, que o farão ganhar três lugares e ir para o 43º, também o mais alto dele até então.

“Eu sabia que se conseguisse começar bem no segundo set, provavelmente venceria a parcial porque estava sacando muito bem nesta semana”, disse Popyrin, que depois de perder o primeiro set com uma quebra solitária, dominou as ações no segundo e anotou um ‘pneu' para cima de Bublik.

“Aquele terceiro set foi realmente difícil. Comecei a pegar onde ele iria servir e coloquei muitas bolas em jogo. O mais importante era ler o saque dele e foi isso que comecei a fazer. Ao mesmo tempo, tentei jogar de forma agressiva. Valeu a pena”, complementou o australiano, que selou a virada vencendo os últimos quatro games da partida com direito a duas quebras.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva