Notícias | Outros
Schiessl e Boscardin avançam nos 18 anos
24/02/2021 às 22h01

João Schiessl venceu português em 2 tiebreaks.

Foto: Luiz Cândido/CBT

Porto Alegre (RS) – Um brasileiro ficou pelo caminho e outro avançou no terceiro dia de jogos do Brasil Juniors Cup na categoria 18 anos. Nesta quarta-feira, o mineiro João Victor Loureiro perdeu para o equatoriano Alvaro Meza por 6/2 e 6/4 e se despediu da competição, enquanto o paranaense João Schiessl superou o português Miguel Gomes por duplo 7/6 para chegar à segunda rodada.

Número 190 do mundo no ranking juvenil da ITF, Schiessl precisou de dois tiebreaks para vencer a partida que teve início na terça-feira e foi completada na quarta. No segundo set, o brasileiro estava perdendo por 5 a 2 do europeu (67º do mundo), mas mostrou força para reagir e chegar à segunda rodada.

"Foi um jogo bastante duro, com dois tiebreaks, o que mostra o quanto foi difícil. Mas joguei bem quando tinha que jogar, fiz decisões certas e, com certeza, começar o torneio assim dá muita confiança. Meu melhor resultado neste nível de torneio é chegar na segunda rodada e agora quero mudar isso. Vou dar o meu melhor amanhã para tentar ir adiante na competição", declarou o brasileiro.

Ele volta a jogar nesta quinta-feira, contra o norte-americano Jack Anthrop, número 25 do mundo. Já o catarinense Pedro Boscardin, 9º do mundo no ranking juvenil, tem pela frente o também norte-americano Victor Lilov, 49º. A segunda rodada terá ainda o duelo entre o sueco Leo Borg, 43º, e Aidan Kim, 73º, dos Estados Unidos. Leo Borg é filho de Björn Borg, ex-número 1 do mundo e campeão de 11 Grand Slam, que está em Porto Alegre apoiando o atleta.

O Brasil Juniors Cup é um torneio de nível J1 e está entre os mais importantes no cenário internacional, abaixo apenas dos Grand Slam e dos JA. Por isso, a competição atrai os principais atletas do planeta. A categoria 18 anos é disputada nas quadras da Associação Leopoldina Juvenil. As categorias 16, 14 e 12 anos acontecem na Sogipa. Os participantes foram divididos em sedes diferentes para evitar aglomerações e respeitar o limite de pessoas presentes nos clubes.

Torneio pelo ranking Cosat - na Sogipa
Nos 16 anos masculino, vindo do qualifying, o brasileiro Gustavo Ribeiro Almeida derrubou o principal favorito, o chileno Benjamin Torrealba, de virada, com parciais de 6/7 (5/7), 6/1 e 6/2. Nas quartas de final, vai medir forças com o compatriota Luiz Felipe Sandoval Carvalho, quinto favorito, que passou por outro brasileiro, Thiago Guglieri, por 6/0 e 6/2. Outro destaque foi o brasileiro Paulo Hugo Etchecoin, que eliminou o compatriota Henrique de Brito, cabeça 8, de virada, com parciais de 1/6, 7/5 e 6/0. Também estão nas quartas de final os brasileiros Kauã Cressoni e Matheus Amorim de Lima, terceiro favorito.

Nos 16 feminino, Gabriela Felix, campeã no Paraguai, classificou-se para as quartas de final derrubando a compatriota Isabelle Oikawa Torres, cabeça 1, por duplo 6/1. Isabelle Daher Vaz Castro, cabeça 7, e Antonia Ferrarini são as outras brasileiras nas quartas.

Nos 14 anos masculino, o Brasil tem quatro representantes nas quartas de final: o qualifier Bruno Malacame, que terá pela frente o cabeça 1 Darwin Blanch (EUA), Lucas Cavalcanti de Carvalho, Pedro Dietrich e Enzo Vargas, também qualifier. Na chave feminina, duas brasileiras estão nas quartas: Victoria Luiza Barros e Gabriela Kawano Choi.

Resultados de quarta-feira - 18 anos

Natalia Szabanin (HUN) v. Chelsea Fontenel (SUI), 6/3 6/2

Madison Sieg (EUA) v. Bianca Behulova (SVK), 6/3 2/6 6/1

Diana Shnaider (RUS) v. Alexis Blokhina (USA), 6/4 6/3

Alvaro Meza (EQU) v. João Loureiro (BRA), 6/2 6/4

Alexander Bernard (EUA) v. Matthew Donald (TCH), 6/4 3/6 6/2

Viacheslav Biellinskyi (UCR) v. Henrique Rocha (POR), 6/7 6/4 6/3

Juncheng Shang (CHN) v. Vojtech Petr (TCH), 5/7 7/6 6/3

João Schiessl (BRA) v. Miguel Gomes (POR), 7/6 (8/6) 7/6 (8/4)

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva