Notícias | Dia a dia | Australian Open
Dor lombar força Rafa a mudar movimento de saque
09/02/2021 às 08h31

Apesar da estreia tranquila, o espanhol teve que mudar o jeito de sacar

Foto: Divulgação

Melbourne (Austrália) - Apesar da estreia muito tranquila no Australian Open, Rafael Nadal garantiu que suas costas estão longe de estarem em perfeitas condições e que foi obrigado a fazer pequenas mudanças no movimento de saque para a estreia diante de Laslo Djere.

"Minhas costas não estão perfeitas, como disse dias atrás", ratificou o número 2 do mundo. "Cada dia que passa, a chance de eu melhorar são boas. É para isso que estou aqui jogando e lutando, para tentar me dar uma oportunidade".

Nadal voltou a dizer que não se sente na melhor condição. "Não estou genial, digamos assim. Precisei mudar um pouco o movimento do saque para diminuir a dor. Terei a quarta-feira livre para descansar e fazer tratamento. Preciso ir um dia a cada vez, procurando estar pronto para competir".

O primeiro serviço do espanhol esteve claramente menos potente durante o jogo diante de Djere. Sua média de primeiro saque foi apenas de 176 km/h, com o mais veloz a 195. Sofreu apenas uma quebra de serviço, ainda no primeiro set, quando já liderava com tranquilidade, e terminou com 67% de aproveitamento do primeiro serviço e somente oito pontos perdidos com ele.

Questionado sobre suas rotinas durante a pandemia, Nadal revelou que não é uma pessoa tão apegada à rotina como demonstra na quadra de tênis. "Não sou do tipo muito organizado e assim aproveitei os meses em casa para fazer muitas coisas. Vivemos num mundo um pouco mais triste e precisamos nos adaptar a isso. Aqui em Melbourne está tudo diferente, podemos sair e se divertir; sonhamos em voltar a essa situação o mais breve possível".

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por ATP Tour (@atptour)

Comentários