Notícias | Dia a dia
De virada, Monteiro vence a segunda em Melbourne
03/02/2021 às 05h14

Melbourne (Austrália) - O cearense Thiago Monteiro teve um jogo duro pela frente nesta quarta-feira contra o atleta da casa Matthew Ebden. Em um dia repleto de viradas em Melbourne, o canhoto de Fortaleza protagonizou mais uma e derrubou o australiano com parciais de 6/7 (4-7), 6/4 e 6/3, após 2h34 de confronto.

Classificado para a terceira rodada do Great Ocean Road Open, o número 1 do Brasil pode cruzar com o principal favorito na competição já no próximo jogo. Contudo, para que isso aconteça o belga David Goffin primeiro tem que fazer valer o favoritismo diante do jovem espanhol Carlos Alcaraz.

Monteiro já desafiou Goffin uma vez, em duelo válido pelos playoffs da Copa Davis em 2016, sendo superado pelo belga por 3 sets a 0. Se Alcaraz conseguir surpreender e avançar para pegar o cearense na próxima fase, será a primeira vez que os dois medirão forças no circuito.

A partida contra Ebden foi bastante disputada e começou com o cearense quebrando logo no primeiro game. Só que o australiano devolveu o break em seguida. Monteiro não aproveitou as chances que teve e fechou o primeiro set com apenas uma quebra em nove chances, enquanto o rival teve uma também, só que em quatro oportunidades.

+ Zverev bate Shapovalov de virada e elimina Canadá
+ Viradas e vaga nas quartas para Osaka e Svitolina
+ Wawrinka sai atrás, mas vence seu 1º jogo do ano

Sem novas quebras, a parcial inicial foi resolvida no tiebreak, em que o brasileiro chegou a sair na frente a abriu 3-1. Contudo, ele venceu somente mais um ponto desde então, viu Ebden se recuperar e largar na frente no placar.

O cearense mostrou poder de reação no segundo set. Depois de perder o primeiro, ele encarou dois break-points contra sacando em 2/4 e se salvou. Isso parece ter sido o ponto de virada de Monteiro, que embalou duas quebras seguidas para cima do australiano e empatou o jogo.

Monteiro manteve o embalo na terceira parcial, mas deixou escapar uma chance de quebra logo no segundo game; no quarto aproveitou a oportunidade e bateu o saque de Ebden. Com a vantagem, o cearense precisou apenas administrá-la até o fim. Ele levou um leve susto ao sacar para o jogo, encarou um break contra no nono e último game, se safou e ficou com a vitória.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva