Notícias | Dia a dia
Wawrinka revela que teve Covid-19 no fim de 2020
29/01/2021 às 19h15

Suíço diz que pegou a doença na semana do Natal, mas conseguiu se recuperar a tempo de viajar

Foto: Arquivo

Melbourne (Austrália) - A participação de Stan Wawrinka no Australian Open quase foi ameaçada pela Covid-19. O suíço de 35 anos revelou, em entrevista à agência de notícias AFR, que contraiu a doença no fim do ano ano passado. Wawrinka, entretanto, conseguiu se recuperar a tempo de viajar para Melbourne e cumprir a quarentena obrigatória de 14 dias para todos os que chegam ao país.

"Estou tentando entrar em forma. Tive um exame positivo na semana do Natal e tive que ficar mais de 10 dias em casa, então perdi completamente todo o trabalho que vinha fazendo fora da temporada", disse Wawrinka. O suíço teve a sorte de chegar à Austrália em um voo sem casos positivos da doença. Por isso, teve autorização para sair do quarto durante cinco horas por dia para treinar no Melbourne Park.

"Eu estava me sentindo muito mal durante os primeiros cinco dias", disse o suíço, ao ser perguntado sobre os sintomas. "Você fica realmente mais cansado a cada dia e isso dura algumas semanas. Não foi uma boa experiência, tive momentos difíceis em casa. Agora eu finalmente começo a ver que estou me sentindo melhor, mas essa doença pode afetar muito e é importante ter muito cuidado".

Atual 18º do ranking, Wawrinka é o principal cabeça de chave do Murray River Open, um dos dois ATP 250 preparatórios para o Australian Open. O torneio começa na próxima segunda-feira, dia 1º de fevereiro e termina no domingo, dia 7. O primeiro Grand Slam da temporada dá a largada no dia seguinte.

Covid-19 causou desfalques de última hora
Diferente de Wawrinka, outros tenistas contraíram a Covid-19 ainda mais próximos da data da viagem para Melbourne e não conseguiram se recuperar a tempo de chegar à Austrália e cumprir a quarentena. São os casos de Andy Murray, João Sousa, Madison Keys e de Nicolas Massú, atual técnico de Dominic Thiem.

Comentários
Loja - camisetas
Torneio Teodózio