Notícias | Dia a dia
Yastremska recorre ao TAS para jogar na Austrália
26/01/2021 às 15h47

Resposta para o recurso apresentado por Yastremska sai na próxima semana

Foto: Arquivo

Lausanne (Suíça) - A ucraniana Dayana Yastremska segue buscando meios de recorrer de sua suspensão provisória por doping para poder jogar o Australian Open, que começa em duas semanas. O Tribunal Arbitral do Esporte (TAS) recebeu nesta terça-feira um recurso apresentado pela tenista contra a Federação Internacional de Tênis (ITF).

Yastremska, de 20 anos e 29ª do ranking, está suspensa desde o dia 7 de janeiro. Um exame de urina realizado no dia 24 de novembro de 2020, fora do período de competição, indicou a presença da metabolito mesterolona, da categoria S1 (Agentes Anabólicos) da lista de substâncias proibidas pela Wada (Agência Mundial Antidoping). Ela aguarda julgamento para a definição do período de suspensão.

+ ITF nega recurso e Yastremska segue suspensa
+ Suspensa por doping, Yastremska viaja para Austrália
+ Yastremska testa positivo para anabólico e é suspensa

Apesar de estar suspensa, Yastremska viajou para a Austrália e cumpre a quarentena obrigatória de 14 dias no país. Ela já havia apresentado um recurso junto a ITF no dia 16 de janeiro, mas um Tribunal Independente da Federação Internacional indeferiu seu pedido na última sexta-feira, dia 22. A decisão foi publicada no site da ITF no dia seguinte.

Segundo o TAS, as partes concordaram com um procedimento acelerado para o caso, com apenas um julgador, para que a decisão final saia até o dia 3 de fevereiro de 2021, ou seja, na quarta-feira da semana que vem.

Comentários
Loja - livros
Suzana Silva