Notícias | Dia a dia
ITF diz que Copa Hopman pode voltar ainda em 2021
23/01/2021 às 08h04

Competição mista aconteceu entre 1989 e 2019 em Perth. Entidade busca nova sede para o evento.

Foto: Arquivo

Londres (Inglaterra) - Tradicional evento na abertura da temporada, a Copa Hopman pode voltar ao calendário em breve. A competição entre equipes mistas teve 31 edições disputadas em Perth, no oeste da Austrália, entre 1989 e 2019. Após a criação da ATP Cup no ano passado, o evento foi descontinuado. No entanto, a Federação Internacional de Tênis (ITF) tenta revitalizar a competição em outra sede.

O retorno da Copa Hopman foi colocado em pauta na última Reunião Geral Anual da ITF, que foi realizada virtualmente em novembro do ano passado. Após a reunião, a entidade publicou um documento em que aborda diferentes temas do tênis mundial, entre eles a possibilidade de que o torneio volte ao calendário do circuito. O cenário mais provável é de um retorno apenas em 2022, mas a entidade não descarta fazer o torneio no segundo semestre deste ano.

"Após a decisão da Tennis Australia de lançar a ATP Cup em janeiro de 2020, com Perth sendo uma das cidades-sede, a decisão foi encerrar o Contrato de Licença com a Tennis Australia. Entretanto, a Copa Hopman continua a ser um importante ativo estratégico de tênis profissional no portfólio da ITF e um processo de licitação para um novo parceiro anfitrião foi concluído no início de 2020", diz a nota oficial.

"Várias cidades em três continentes expressaram interesse em sediar o evento e as propostas foram revisadas pelo Conselho da ITF em 09 de março de 2020", acrescenta a entidade. "Devido à pandemia de Covid-19 em andamento, o Conselho da ITF tomou a decisão unânime de suspender o processo de licitação com a próxima edição prevista para 2022, a menos que as condições para 2021 permitam que ela seja disputada no segundo semestre do ano".

A última edição da Copa Hopman foi realizada em Perth entre 29 de dezembro de 2018 a 5 de janeiro de 2019 e contou com times da Suíça, Alemanha, França, EUA, Grécia, Espanha, Grã-Bretanha e Austrália. Com Roger Federer e Belinda Bencic em quadra, a Suíça foi campeã ao derrotar a Alemanha de Angelique Kerber e Alexander Zverev na final. Foi o terceiro título do país, e o segundo consecutivo. Todas as edições aconteceram na mesma cidade, sendo que os últimos sete torneios foram na Perth Arena, inaugurada em 2013.

Comentários
Loja - livros
Suzana Silva