Notícias | Dia a dia
Cibulkova fura a fila e é vacinada contra coronavírus
14/01/2021 às 13h53

Cibulkova foi número 4 do mundo, finalista do Australian Open e campeã do WTA Finals

Foto: Arquivo

Bratislava (Eslováquia) - Na Eslováquia, cerca de 20 mil pessoas foram vacinadas contra a Covid-19 até agora, em campanha que começou no dia 26 de dezembro, com prioridade para profissionais de saúde, trabalhadores de infraestrutura crítica e pessoas que trabalham em serviços sociais. Contudo, a ex-tenista profissional Dominika Cibulkova acabou furando a fila e já foi vacinada.

Ela recebeu a vacina no posto de vacinação do hospital Kramáre, que faz parte do Hospital Universitário de Bratislava (UnB). “Descobrimos que Dominika Cibulkova foi vacinada em um de nossos três centros de vacinação em Kramáre”, confirmou a porta-voz da UnB, Eva Kliska, ao Denník N Daily.

Não foi apenas Cibulkova, ex-top 5 e vice-campeã do Australian Open em 2014 que foi vacinada, seu marido Michal Navara também. “Podemos confirmar que Cibulkova e seu marido foram incluídos na lista de profissionais de saúde que deveriam ser vacinados sem autorização”, acrescentou Kliska.

A vacinação de qualquer pessoa que não pertença aos grupos definidos pelo ministério vai contra à estratégia de vacinação. O hospital em que Cibulkova foi atendida sublinhou que qualquer tratamento preferencial é inaceitável. A diretora da UnB, Renata Vandriakova se desculpou pela situação e prometeu evitar falhas semelhantes no futuro.

Cibulkova se desculpou pelo incidente, alegando que entendeu mal a situação. Em suas palavras, ela estava acompanhando uma pessoa no hospital e só queria saber quando ela e o marido poderiam ser vacinados. “Se eu soubesse que estava violando as regras e não servisse apenas como substituto de alguém da lista, não seria vacinada”, escreveu a eslovaca no Facebook.

Comentários
Loja - camisetas
Arena BTG